Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Hora da despedida

CJF presta homenagem ao desembargador Olindo Menezes

O Colegiado do Conselho da Justiça Federal prestou homenagem ao presidente do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, desembargador federal Olindo Herculano de Menezes, que fez sua última participação como membro efetivo do órgão e está a poucos dias do fim de seu mandato como presidente da corte. A homenagem ocorreu na última segunda-feira (16/4). Além de receber elogios de seus colegas, Menezes ganhou uma placa alusiva à participação no Colegiado.

O desembargador Olindo Menezes começou sua carreira na Justiça Federal como juiz da Seção Judiciária de Pernambuco, de onde foi transferido para a Seção Judiciária da Bahia e, depois, para a Seção Judiciária do Rio de Janeiro. Em seguida retornou à Seção Judiciária da Bahia, na qual permaneceu até a sua ascensão ao TRF-1, em 1995. 

O presidente do CJF e do Superior Tribunal de Justiça, ministro Ari Pargendler, lembrou que foi membro da comissão examinadora do concurso público para provimento do cargo de juiz federal, promovido pelo Tribunal Federal de Recursos em 1981, no qual um dos candidatos aprovados foi o desembargador Olindo Menezes. “A comissão julgadora fez um bom trabalho aprovando o Dr. Olindo”, disse Pargendler, que entregou a placa ao homenageado.

“Agradeço o apoio de Vossa Excelência às ações implementadas pelo Conselho da Justiça Federal em prol da Justiça Federal e, em nome deste Colegiado, parabenizo-o pela meritória gestão à frente do Tribunal Regional Federal da 1ª Região.  Receba o nosso respeito e a nossa admiração”, completou Pargendler.

Após receber palavras de agradecimento e elogios de todos os membros do colegiado, o desembargador Olindo Menezes se disse emocionado com a homenagem. “Eu levo deste Conselho as melhores lembranças, de um órgão que examina as coisas judiciosamente.” Com informações da assessoria de comunicação social do Conselho da Justiça Federal.

Revista Consultor Jurídico, 17 de abril de 2012, 16h57

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 25/04/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.