Consultor Jurídico

Comentários de leitores

16 comentários

Vamos diminuir o valor de contribuição para r4 300,00.

Danilo Sávio Rocha Cavalcante (Advogado Autônomo - Criminal)

Concordo com a opinião do Procurado Neli, também acho um absurdo o repasse da arrecadação da OAB Estadual para a OAB Nacional. Por isso essa fome por tanto dinheiro. Continuo afirmando que tdos os advogados a nível nacional devamse uir para pleitearem uma anuidade mais justa. Trezentos reais está dee bom tamanho, é advogado demais, o que vãofazer com tanto dinheiro?
è muito melhor uma contribuição mais compatívelcoma realidade da grande maioria, do que a existência de inadimplência.Além disso, a situação está dificil para a grande maioria dos colegas, por isso a busca por concursos públicos. Quem temherança jurídica uma beleza, quvem dasaltas relações sociais uma beleza. A grande maioria de estudantes de direito está vindo de camadas sociais mais pobres. è muito dinheiro o que a ordem do Ceará está cobrando RS 600,00. Dão descontos à vista, e temadvogados pagando a menor dependendo do tempo de formatura. Masisso, não e correto, por isso que se chegue a um consenso, para a diminuição dessa verba. O VALOR DE CONTRIBUIÇÃO DEVIA SER UM SÓ PARA TODO O BRASIL - TREZENTOS REAIS.

!!!!!!!!

Neli (Procurador do Município)

Penso que a anuidade da OAB de SP é um pouco elevada,por outro lado a OAB presta relevante serviço para a classe.Por outro lado,acho um acinte uma grande parcela da anuidade paga para as OAB estaduais ser encaminhada para a OAB nacional.Contra isso é que todos deveríamos lutar.

anuidade

Rogerio Avlis (Advogado Assalariado - Civil)

ALÉM DE SER UMA ENTIDADE PRETENCIOSA, É A ÚNICA QUE (ATÉ ONDE EU SEI) QUE COBRA ANUIDADE DE ESTAGIÁRIO PARA FAZER O ESTÁGIO, SENDO INCLUSIVE, OMISSA QUANTO A FISCALIZAÇÃO DO ESTÁGIO.
AINDA ASSIM, OS BENEFÍCIOS SÃO ESTES: CAFÉZINHO, ÁGUA, INTERNET ATRAVÉS DE COMPUTADORES QUE NEM SE USA MAIS, TRAMPOLIM PARA 'ALGUNS' ADVOGADOS.

POR UMA CONTRIBUIÇAO MAIS JUSTA ! R$ 300,00 .

Danilo Sávio Rocha Cavalcante (Advogado Autônomo - Criminal)

Acredito que a intervenção estatal se faça necessária frear o abuso de direito da ordem dos advogados em todo o Brasil. A anuidade é muito elevada. Além disso, penso que os advogados não devam fazer do espaço oferecido pela ordem seus escritórios. Cada um de nós deve se manter em seu próprio espaço físico. O fato é que a grande maioria dos advogados não estão mais tendo como sobreviverem ouganharem espaço, o mercado a cada dia recebe de imumeras universidades uma avalanche de novos advogados. Acredito que a redução da anuidade devia ser aceita, 500 reais ainda é muito. Trezentos reais seria de bom tamanho.Isso não impediria da entidade cumprir bem seu papel. E não somos deuses, nem melhores do que as demais categorias profissionais. Estamos sobrevivendocomo os outros.Como dizer que não vai ser suficiente essa contribuiçã? Advogados não precisa de café, nem bombom,nem de engraxate, e o espaço físico equipado pela Ordem, devia servir para ocasiões esporádicas e não como escritório efetivo.Asatribuições da ordem não lhe confere explorar seus filiados. Aplaudo a intervenção do Estado- Juiz para conter essa arrecadação de feição exorbitante. E ai não tem nada de ideologia para enfraquecer a ordem. Nem está gerando discordãncia entre advogados, podem fazer uma pesquisa. A maioria quer que todos paguem, mas uma contribuição justa.O PT não tem nada com isso, não será ele o vetor de intriga entre os advogados. Aqueles que estão discordando do "freio", naturalmente são os privilegiados, estão dentro dos conselhos, auferem vantagens pelos relacionamentos. E por conta da redução da anuidade,não deve haverretaliação com o aumento dos serviçosprestados aosadvogados, quejá sou poucos. Já se arrecada muito com exame de ordem, renovação da carteira e outras coisas.

PARABÉNS AO JUIZ

Walquiria Molina (Bacharel - Criminal)

ATÉ QUE ENFIM EU VEJO UM JUIZ FAZER AQUILO QUE JPA DEVERIA TER SIDO FEITO Á MUITO TEMPO COM ESTA OAB,OU SEJA MANDAR ABAIXAR ESTA ANUIDADE EXORBITANTE QUE É COBRADA DOS PROFISSIONAIS DA CLASSE.E AINDA TEM ADVOGADOS DEFENDENDO ESTE SENHOR "ARG"OPHIR E DIZER QUE A ANUIDADE TEM QUE SER ALTA MESMO.QUANTO SERÁ QUE O SENHOR "ARRRGG"OPHIR PAGOU A ESTE ADVOGADO PARA DEFENDE-LO,,,SERÁ QUE ELE É DO MESMO ESCRITÓRIO DESTE SENHOR OU SERÁ QUE ESTA DEIXANDO DE PAGAR A ANUIDADE PARA PODER FAZEER ESTE COMENTÁRIO.PARABÉNS AO JUIZ TEM QUE COMEÇAR A QUEBRAR AS PERNAS DESTA OAB POIS A MAIORIA DOS ADVOGADOS GANHAM POUCO E TEM MUITAS DESPESAS.QUE ISTO SEJA SÓ O COMEÇO POIS ESTAMOS ESPERANDO O MP DE MG QUE TAMBEM ENTROU CONTRA O VALOR DAS PROVAS DA OAB QUE SÃO UMA ABERRAÇÃO.ISTO SENHOR OPHIR É SÓ O COMEÇO DO QUE ESTA VINDO EM SUA DIREÇÃO POIS O SENHOR PAGARÁ CADA LÁGRIMA QUE FEZ OS BACHARÉIS DERRAMAREM QUANDO DA VOTAÇÃO DESTE EXAME DE ORDEM INCONSTITUCIONAL QUE O SENHOR FEZ PASSAR COMO UM PASSO DE MÁGICA NO STF.PODE ESPERAR POIS O QUE É SEU ESTA GUARDADO.PARABÉNS JUIZ O SENHOR MEREÇE TODO O NOSSO RESPEITO E NOSSOS SINCEROS AGRADECIMENTOS.
WALQUIRIA MOLINA

Esse sindicato não me representa

Vinicius Assis - advogado - aduaneiro, tributário e empresarial (Advogado Sócio de Escritório - Tributária)

Sindicatos nasceram e existem para representar interesses relacionados ao emprego! Não sou empregado, mas recebo boletos desse sindicato todo ano e nunca me responderam a um email sequer para me explicar porque deveria pagá-los...
Não sou representado por este sindicato e a extensão dos efeitos da sentença a todos os advogados é um equívoco!
Entender que o governo (sim, somos governados por leis e o executivo apenas administra) pode interferir na arrecadação dos conselhos profissionais é voltar ao passado rumo à ditadura...
Me recuso a cumprir essa decisão e vou continuar pagando o valor cheio!

É uma pena...

acs (Advogado Assalariado)

Que até esta questão tenha de ser decidida pelo judiciário mas a verdade é que a OAB cobra caro e da retorno pouco ou quase nenhum...Há casos de desvios de verbas comprovados, como na Bahia,v.g....

Falta de transparência

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Além de cobrar de quem não paga, a OAB deve divulgar um balanço anual, ao menos em circulação restrita aos advogados, a respeito de tudo o que foi arrecadado, o que inexiste. Hoje, ninguém sabe exatamente qual colega pagou a anuidade, e qual se encontra em débito, impedindo um maior controle por parte de quem paga.

OAB-ES

Marcos Umberto Canuto (Advogado Autônomo)

Penso que a OAB, pricipalmente a OAB-ES deve cobrar as anuidades dos que não pagam e SÃO MUITOS, segundo comentam em torno de 40%.

Inocuidade

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Por outro lado, é certo que a Lei se mostra inócua na prática. De que adianta a OAB emitir boletos de R$500,00 para pagamento das anuidades, e para compensar a defasagem passar a cobrar caro por todos os demais serviços que vai prestar aos advogados?

se é autarquia especial, então tem que fazer concurso

daniel (Outros - Administrativa)

se é autarquia especial, então tem que fazer concurso para seleção de seus servidores.
A OAB quer ser pública e privada ao mesmo tempo, conforme o interesse mais conveniente dos seus coronéis. Nem presta contas e quer posar de pura......
O limite é de R$ 500,00 mesmo, pois a receita maior da OAB é decorrente do Exame da OAB e de outros serviços. Aliás, a OAB nada faz para os pequenos escritórios mesmo, pois apenas atende aos interesses dos grandes escritórios que seus sócios são Conselheiros Federais.

Sentença equivocada porém necessária.

Advogado Santista 31 (Advogado Sócio de Escritório - Civil)

Em vista do disposto na respectiva lei que limita a anuidade de entidades de classe profissional, essas somente podem sofrer restrição quanto ao valor de cobrança mediante lei se estas não tiverem sido criadas por meio de lei federal e não constituirem as funções dos profissionais em atos necessários para a preservação e a concretização do estádo democrático de direito. Um engenheiro e um médico são essenciaís para determinados objetivos que é o desenvolvimento e garantir o direito a saúde de todos os cidadãos brasileiros, porém eles não possuem capacidade postulatória e muito menos conhecimento quanto as leis, o que por si só é item essencial para diferenciar estas categorias profissionais (por exemplo) da advocacia que não atua de forma primordialmente mercantilista da mesma forma como as outras profissões atuam.

cafezinho e banheiro

Ciro C. (Outros)

Em MG advogado paga xerox, não tem internet gratuita, se quiser imprimir um petição tem que pagar, etc, etc
Realmente cobrando R$500,00 de cada um fica quase IMPOSSIVEl oferecer o café e o banheiro para os advogados, já que só isso é gratuito.

Ética petista

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Tentar conter a todo custo, e a qualquer preço, a atuação da sociedade civil organizada, tem sido a tônica da "ética petista". Essa agremiação, no Poder há quase uma década, sabe que desestruturar entidades de classe, sindicatos, associações, etc., é a chave para que o Estado se torne absoluto. Essa lei limitando a cobrança de anuidades por conselho de classe já está criando uma grande cisão entre essas entidades e os profissionais que a congregam. Não há muita diferença entre pagar R$500,00 ou R$1.000,00 de anuidade, mas por causa de um mero detalhe, que envolve R$100,00 ou R$150,00 a lei conseguiu a "glória" de semear o dissenso, a desunião, a discórdia, fazendo com que conselhos e profissionais briguem entre si, enquanto os desmandos da Administração correm soltos.

Não sei, não...

Eduardo. Adv. (Advogado Autônomo)

Mesmo sendo autarquia especial, deve zelar e bem administrar o seu patrimônio.
Creio que seja possível, sim, reduzir o valor.

Sem dinheiro nada se faz

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Tem razão desta vez o Presidente do Conselho Federal da OAB. A Ordem não é um simples conselho de classe, mas uma autarquia especial com várias atribuições determinadas pela lei e pela Constituição Federal. "Podar" a anuidade em R$500,00 vai impedir que a entidade possa cumprir seu papel de forma adequada.

Comentar

Comentários encerrados em 18/04/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.