Consultor Jurídico

Notícias

Chance de começar

Presidiários gaúchos fazem curso de microinformática

A Corregedoria-Geral de Justiça do Rio Grande do Sul lançou, nesta terça-feira (17/10), um curso de microinformática para os apenados do Presídio Central de Porto Alegre. A iniciativa é do Poder Judiciário estadual, em parceria com a direção do presídio. Nesta primeira fase, serão beneficiados 10 apenados — que têm aulas no próprio presídio, num local adaptado com cinco computadores.

Na cerimônia de abertura do curso, a juíza-corregedora Márcia Kern Papaleo falou sobre a importância da iniciativa para que os presos tenham uma chance de qualificação e reinserção social, após o cumprimento da pena. ‘‘É uma honra poder estar oferecendo essa oportunidade a essas pessoas que necessitam de incentivos’’, afirmou.

Segundo o diretor do Presídio Central, tenente-coronel Leandro Santiago, a proposta é uma forma de oferecer outra oportunidade aos homens que estão hoje cumprindo pena. Segundo o coronel, todos passaram recentemente por um programa de reabilitação contra drogas.

O programa do curso tem duração de cinco semanas e prevê conhecimentos de BrOffice-Writer. As aulas são ministradas por Antônio Campos, instrutor de Ensino a Distância (EAD) do Tribunal de Justiça.

Os alunos serão avaliados um vez por semana. Ao final, os presos receberão o Certificado de Aproveitamento do Curso de Noções de Microinformática. Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-RS.

Revista Consultor Jurídico, 19 de outubro de 2011, 7h16

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 27/10/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.