Consultor Jurídico

Comentários de leitores

5 comentários

É JUSTO QUE...

Fafá-sempre alerta (Outros)

DOIS INDIVIDUOS QUE ESTUDAM NA MESMA ESCOLA PUBLICA, SEM PREPARAÇÃO NENHUMA PARA O VESTIBULAR POR CAUSA DA COR DA PELE , O BRANCO POBRE FIQUE DE FORA???PORQUE NÃO MELHORAM O ENSINO BASICO???

COTA DO JUDICIÁRIO

Fernando José Gonçalves (Advogado Sócio de Escritório)

A president(a) Dilm(a) que o diga. Acabou de instituir a "cota do judiciário", que garante a reposição obrigatória de mulher, por mulher, no quadro do STF, independentemente da competência e do notável saber jurídico. Único requisito: ser ligado a "thurminha" do PT , como no caso do Min. Tofoli

Justo?

diasrodrigues.adv.br (Outros - Criminal)

As políticas de cotas raciais para negros chegou aos concursos públicos. No último concurso do MP-PR, as cotas raciais permitiram que candidatos com nota de corte 60 prosseguisse à segunda fase, ao passo que os "não negros" tiveram nota de corte próxima a 74.
Muitos candidatos reprovados com nota de corte muito superior às dos cotistas ficaram desgostosos, chegando mesmo a falar que tal sistema está aniquilando a meritocracia.
É justo?

A realidade é diversa do conto de fadas dos pró-cotas!

Igor M. (Outros)

Passados dez anos das – inconstitucionais – cotas racistas e nenhuma medida significativa foi implantada para a melhoria do ensino público. Somente medidas de perpetuação das cotas racistas, assim como a assistência pós-universidade (agora são cotas para concursos públicos e etc.) e adoção por mais e mais universidades são feitas no sistema. Está mais do que claro que as tais “medidas paliativas” do discurso clichê da elite vermelha do Brasil não passaram de uma enorme mentira, pois, na verdade, são medidas definitivas com viés totalmente racistas. Já a educação vai mal, obrigado!

Debate ultrapassado.

Radar (Bacharel)

Desatualizado, mesmo está o debate jurisdicional. Aliás, é rotina no judiciário brasileiro esperar que a celeuma esfrie, para somente depois vir o STF dizer que é certo ou errado. É uma postergação que beira às raias da covardia. Ademais, o sistema de cotas é uma realidade, e não causou os efeitos nefastos previstos pelos conservadores de sempre. O que é necessário é aprimorá-lo, de forma que proporcione resultados cada vez melhores, sem que isto implique qualquer tipo de racismo ou castismo às avessas.

Comentar

Comentários encerrados em 18/10/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.