Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Escolha de direção

TJ-SP faz eleições para presidente dia 7 de dezembro

O Diário da Justiça Eletrônico divulgou nesta terça-feira (22/11) a relação de candidatos da eleição para presidente, vice-presidente e corregedor-geral do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. A eleição acontece no Palácio da Justiça e em locais que ainda serão divulgados, a partir das 9 horas do próximo dia 7 de dezembro.

No mesmo dia da eleição para os cargos de direção do tribunal, os desembargadores vão eleger os presidentes das Seções de Direito Privado, Público e Criminal. O TJ-SP vai utilizar urnas eletrônicas, em que os candidatos serão escolhidos por numeração, de acordo com antiguidade. As eleições serão realizadas pelo sistema eletrônico de votação (urnas e programas); o voto será secreto,

À presidência concorrem os desembargadores José Roberto Bedran, que é atual presidente do tribunal, e Ivan Ricardo Garisio Sartori, presidente da 13ª Câmara de Direito Público. O candidato a vice-presidente é o desembargador José Gaspar Gonzada Franceschini, da 9ª Câmara de Direito Público e membro do Órgão Especial.

José Roberto Bedran, foi eleito em março para completar o mandato do presidente Antonio Carlos Viana Santos, que morreu em janeiro. Sua eleição foi rsultado de um amplo consenso entre os desembargadores. Candidato único ao cargo de presidente, José Roberto Bedran ocupava o oitavo lugar da lista de antiguidade. Seu mandato termina em dezembro de 2011, data em que o desembargador Viana Santos deixaria o cargo. O atual presidente do TJ completa 70 anos em julho de 2012, quando deixa compulsoriamente o tribunal e o mandato, caso seja reeleito.

Para a Corregedoria Geral da Justiça são candidatos os desembargadores Hamilton Elliot Akel, da 1ª Câmara de Direito Privado e coordenador do Conselho Superior de Juizados Especiais de São Paulo e da área de saúde do TJ-SP.

Os candidatos
Presidente:
José Roberto Bedran
Ivan Ricardo Garisio Sartori

Corregedor-geral:
Hamilton Elliot Akel
José Damião Pinheiro Machado Cogan
José Renato Nalini

Presidente da Seção Criminal:
Fábio Poças Leitão
Antônio Manssur
Antonio Carlos Tristão Ribeiro

Presidente da Seção de Direito Privado
Antonio José Silveira Paulilo

Presidente da Seção de Direito Público
Antonio Carlos Malheiros
Samuel Alves de Melo Junior
Ricardo Cintra Torres de Carvalho

Diretoria da EPM
A eleição dos membros da Escola Paulista da Magistratura será ftambém no dia 7 de dezembro. A inscrição das chapas já estão abertas e os eleitos terão mandato de dois anos. Estão em disputa os cargos de diretor e vice-diretor e seis conselheiros do Conselho Consultivo e de Programas da Escola Paulista da Magistratura.

Revista Consultor Jurídico, 22 de novembro de 2011, 18h59

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 30/11/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.