Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Caminho da liberdade

Justiça do Rio concede HC ao ex-jogador Edmundo

A 6ª Vara Criminal do Rio de Janeiro concedeu, nesta quinta-feira (16/6), Habeas Corpus ao ex-jogador de futebol Edmundo. Ele está preso em São Paulo desde a madrugada depois de ser considerado culpado de ter causado um acidente de carro que matou três pessoas e feriu outras três, em dezembro de 1995. As informações são do portal UOL.

Edmundo já havia deixado a cela e estava numa sala de espera quando a juíza Rosita Maria Oliveira Netto, da 6ª Vara do Rio, concedeu o HC. A polícia paulista agora aguarda um fax com um documento para poder liberá-lo.

Depois de solto, o agora comentarista será encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para fazer o exame de corpo de delito e verificar se há sinais de agressão. De lá, pode ir para casa.

Há ainda um pedido para que a pena imputada a Edmundo não seja cumprida. A alegação é a de que o crime já prescreveu. O recurso será julgado nos próximos dias pelos desembargadores do Tribunal de Justiça do Rio.

Revista Consultor Jurídico, 16 de junho de 2011, 18h05

Comentários de leitores

16 comentários

EDMUNDO. O ANIMAL.

MAFFEI DARDIS (Advogado Sócio de Escritório - Criminal)

EDMUNDO É IDOLO DE TODAS AS TORCIDAS.
A JUSTIÇA CARIOCA AGIU CORRETAMENTE, LIBERDADE AO EDMUNDO DE MELHOR SOLUÇÃO.
ELE JA PAGOU MUITO PELO ACIDENTE. SOFREU DEMAIS.
AVANTE EDMUNDO. A VIDA É BELA.

Perguntas básicas e perguntas consequenciais

Daniel André Köhler Berthold (Juiz Estadual de 1ª. Instância)

Alguém leu a decisão do Juiz de Direito que determinou a prisão? E a decisão da Desembargadora que determinou a soltura?
Dá para confiar exclusivamente nos dados de uma notícia que parece nem saber a diferença entre uma Vara e uma Câmara Criminal?
Com base exclusivamente em dados dessa notícia, podem-se lançar dúvidas até sobre a sanidade mental de um Magistrado?

Direito x Justiça.

JPLima (Outro)

Caro Dr. Marcos Alves Pintar, pois é, veja que já há outro elemento "sanidade mental", deve ser mesmo. O que me pergunto é aonde vamos parar com nossa Justiça? Hoje temos Cortes Superiores que mais parecem um grande barco à deriva, um verdadeiro Titanic, atirando para todo lado. Talves o nível intelectual dos nossos Magistrados, quem sabe a prostituição intelectual, algo está errado e não está funcionando. Nossa Justiça está realmente uma zona.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 24/06/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.