Consultor Jurídico

Colunas

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Noticiário Jurídico

A Justiça e o Direito nos jornais deste domingo

A prova objetiva do primeiro Exame da Ordem dos Advogados do Brasil deste ano será nesta domingo (17/7) depois de a avaliação ter protagonizado diversas polêmicas ao longo do primeiro semestre. Os mais de 120 mil candidatos serão submetidos a um teste 11 dias após a OAB ter divulgado uma lista com as 90 faculdades de Direito que não tiveram alunos aprovados na última edição do Exame finalizada. As informações estão nos jornais Correio Braziliense, Jornal do Brasil, O Globo e Folha de S.Paulo.


Meio especial
O estado de São Paulo vai ser obrigado a fornecer transporte especializado para pessoas com autismo no trajeto entre a residência e o local onde recebem tratamento. A decisão liminar foi obtida esta semana pela Defensoria Pública de São Paulo, contam os jornais O Estado de S. Paulo, O Globo e Correio Braziliense. "A pessoa com autismo tem dificuldade de ficar aglomerada ou com muitas pessoas. Elas também podem ter comportamentos que, muitas vezes, não são compreendidos pelas pessoas", disse a defensora pública Renata Tibyriçá.


Escolha criticada
Os organizadores de um importante prêmio alemão de direitos humanos anunciaram que desistiram de premiar o ex-presidente russo e atual primeiro-ministro do país, Vladimir Putin, depois de receber fortes críticas pela decisão. Segundo o jornal Folha de S.Paulo, o Prêmio Quadriga, batizado em homenagem à estátua localizada no alto do Portão de Brandemburgo, em Berlim, é dado anualmente no aniversário da reunificação alemã e é "dedicado a todos aqueles cuja coragem derruba muros e cujo comprometimento constroi pontes".


Silicone injustificado
Um relatório do Tribunal de Contas do Estado do Piauí aponta que o deputado estadual Robert Rios (PC do B) usou R$ 9.455,70 da Assembleia Legislativa para pagar implantes de silicone para os seios para sua então mulher, em 2009. Após o tribunal apontar as irregularidades, no ano passado, Rios devolveu o dinheiro. O relatório integra a investigação da Polícia Federal sobre desvios de verbas no Legislativo piauiense. No documento, o tribunal diz não ver "justificativa legal" para a despesa, "mormente quando se trata de procedimento cirúrgico eletivo e de natureza estética, que não objetivou salvar a vida da esposa do referido parlamentar". As informações estão no site Alagoas 24 Horas.


Ianomâmi no Direito
O jornal Folha de S.Paulo informa que Anselmo Xiropino Yanomami, de 26 anos, será o primeiro indígena do povo ianomâmi a cursar Direito no país. Ele foi aprovado em junho, sem o auxílio de cotas, no vestibular da Faculdade Cathedral, de Boa Vista (RR). No vestibular, Anselmo enfrentou uma concorrência de 11 candidatos por vaga e teve de fazer provas de múltipla escolha e redação. Aprovado, ganhou bolsa de estudos da faculdade.


Bacharéis sem emprego
Os últimos dados da empregabilidade dos portugueses com habilitação superior divulgados pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior e relativos a dezembro de 2008 mostram que havia 38 018 bacharéis licenciados, mestres e doutores inscritos nos centros de emprego. Os formados em Direito ajudam a engrossar a lista de desempregados. Em dezembro de 2008 estavam inscritos nos centros de emprego 189 licenciados da Faculdade de Direito de Coimbra, 153 da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa e 71 da Universidade Autónoma de Lisboa, noticia o jornal Correio da Manhã.

Revista Consultor Jurídico, 17 de julho de 2011, 11h48

Comentários de leitores

2 comentários

Todo autista é rico?

Daniel André Köhler Berthold (Juiz Estadual de 1ª. Instância)

Que bom que, neste caso, fez-se uso da demanda coletiva, evitando muitos casos individuais. Certamente, assim, diminuirão as filas mencionadas pelo eminente xará.
Lembro que a notícia fala de decisão liminar. Se ela beneficiará todos os autistas, ou só aos desprovidos de recursos econômicos, certamente será definido na decisão final.

todo autista é pobre ?

daniel (Outros - Administrativa)

A Defensoria quer apenas aparecer na mídia e enquanto isto usa e abusa dos pobres, os quais ficam na fila, pois a Defensoria quer ter exclusividade do serviço que não quer fazer, mas apenas usar para pedir mais dinheiro.

Comentários encerrados em 25/07/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.