Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Fins estatísticos

CNJ votará criação de banco de mandados de prisão

A criação de um banco digital de mandados de prisão mantido pelo Conselho Nacional de Justiça deve ser votada, na próxima terça-feira (5/7). A medida está prevista na Lei 12.403/2011, que altera o Código de Processo Penal.

De acordo com a nova legislação, o CNJ será responsável pela elaboração e manutenção do banco, alimentado por juízes do Brasil inteiro. Segundo o conselheiro Walter Nunes da Silva Jr, a criação do banco tem fins estatísticos, pois, hoje, as informações sobre mandados de prisão no Brasil são estimativas.

O conselheiro é o responsável pela minuta do banco de mandados. Ele ouviu sugestões de todos os tribunais de Justiça do Brasil. Também participaram da elaboração do projeto o conselheiro Marcelo Nobre e os juízes Marivaldo Dantas e Erivaldo Ribeiro. As informações são da Assessoria de Imprensa do CNJ.

Revista Consultor Jurídico, 1 de julho de 2011, 13h49

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 09/07/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.