Consultor Jurídico

Notícias

Gestão Lula

Governo expulsou três mil servidores por corrupção

Comentários de leitores

4 comentários

Glamorização

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

O comentário do colega Raphael Fernandes nos põe a pensar novamente na pouca importância que a mídia em dispensa à comprovação da injustiça. Glamoriza-se as acusações, noticia-se repetidamente as condenações, mas muitos pouco se fala a respeito das absolvições. De fato, quando foram os servidores públicos que foram reintegrados ao cargo após exoneração irregular? Poucos se preocupam com isso, deixando os servidores inclusive vulneráveis a demissões irregulares por motivos políticos, pessoais, etc., criando ainda a falsa impressão de que a corrupção de fato está sendo combatida.

Mas não faltou alguém???

Mauro Garcia (Advogado Autônomo)

Veja só. 3 mil expulsos mas o chefe dos 40 ladrões ficou, com direito a descer a rampa pela frente e companhia do Sr. Sarney. Ao que parece, a valorosa CGU esqueceu-se de fazer o principal dever de casa...

Funcionários expulsos por corrupção...

Zerlottini (Outros)

Mas só do décimo escalão para baixo. Os do primeiro e segundo escalões podem se corromper à vontade, que ninguém tem nem de devolver o que rouba! A começar pela "família real"! Depois, os "sinistros", parlamentares e outros. Esses podem "meter a mao grande" numa boa, que fica tudo como dantes no setor de Abrantes... Basta ver o mensalão, quando o Jefferson jogou a "caca no ventilador" porque estava recebendo menos que os outros. Leiam o livro PATARRA, IVO - O CHEFE, que pode ser baixado da Internet, gratuitamente, sob a forma de e-book, no site http:\\www.escandalodomensalao.com.br.
Vale a pena ler.
Francisco Alexandre Zerlottini. BH/MG.

Relatividade...

Raphael F. (Advogado Autônomo)

Com todo o respeito às entidades públicas, mas seria interessante a reportagem mostrar também o grande número de servidor reintegrados por força de decisão judicial, quase sempre em virtude de aberrações nos processos administrativos disciplinares. Vez e outra o Judiciário é chamado para remendar situações ocasionadas por atos da CGU e do TCU. Muita coisa há de evoluir ainda, muita coisa...

Comentar

Comentários encerrados em 18/01/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.