Consultor Jurídico

Notícias

Problemas em casa

OAB critica corporativismo do Judiciário contra CNJ

Comentários de leitores

14 comentários

Resp. ao Trinchão

ANS (Advogado Autônomo - Previdenciária)

Reporto-me ao Sr. Ofhir falando da decisão do STF...

Resp.ao Paulo Jorge Andrade Trinchão (Advogado Autônomo

ANS (Advogado Autônomo - Previdenciária)

O momento em que OAB passa é uma vergonha! O sujo falando do mau lavado.
O judiciário começa a mostrar sua cara, NOJO!!!

Curiosidade

Daniel André Köhler Berthold (Juiz Estadual de 1ª. Instância)

Vejam como muda o discurso dependendo dos personagens (referência específica ao comentário do Sr. Advogado Paulo Jorge Andrade Trinchão).
a) Se magistrados são investigados e suas Associações Nacionais defendem, judicialmente, que isso seja feito com observância das regras e com respeito à presunção de inocência, o Presidente Nacional da OAB emite nota dizendo que tal é corporativismo.
b) Se um advogado escreve que o Presidente Nacional da OAB cometeu irregularidades, logo outro advogado escreve que tal acusador deve ser mais comedio, que se deve respeitar a presunção de inocência, que tudo está sendo investigado, que atacar o Presidente da OAB é atacar a própria Advocacia por via reflexa.
Por que, no segundo caso, isso não é corporativismo?

STF x CNJ

Renato Adv. (Advogado Autônomo - Civil)

Aos advogados de todo o Brasil.
Devemos cerrar fileiras a favor da Prezada Ministra Corregedora do CNJ.
Ela teve coragem de falar e denunciar o que a maioria do brasileiro deseja e não tem coragem, pois, como sempre, o brasileiro lamentavelmente a ele não lhes foi permitido estudar, não foi desenvolvido censo crítico e por essa e outras centenas de razões e que vemos quanto está destruída a chamada "Moral e Ética" do homem público.
Agora, para agravar o estado de coisas, estamos podendo ver e entender a podridão que ronda o nosso outrora "respeitável judiciário", alguém disse "é uma vergonha".
Eu creio que, ainda é tempo de o judiciário se auto ajustar-se, o Brasil necessita de 1.000 e mais 1.000 corregedoras de justiça como à senhora Ministra Eliana Calmon mandando no nosso judiciário, essa é a verdade.
Creio que os colegas advogados devam tomar de forma urgente posição e partido a favor da senhora corregedora, dando a ela o respaldo que não encontra em sua própria casa (judiciário).
Renato Carlos Pavanelli
Advogado.

Mais lhaneza Dr. João Carlos Frota(OAB/PA)!

Paulo Jorge Andrade Trinchão (Advogado Autônomo)

Não tenho nenhuma procuração para defender o colega Dr. Ophir, entretanto, causa indignação a maneira pela qual o também colega Dr. João Carlos Frota ( se é de fato este o seu nome!), em distanciando do epicentro do artigo, ataca impiedosamente a pessoa do presidente da OAB nacional, que exerceu ( e está licenciado) da função de procurador do Estado do Pará. O irado ataque pessoal ao Dr. Ophir, não se restringe tão-somente ao mesmo, mas, atinge também à própria dignidade da categoria. Ora, se o seu presidente é acusado - levianamente ou não! -, e pela iniludível importância que representa a OAB em um Estado Democrático de Direito, todo essa ignominiosa ofensiva, por ululante, desgasta a instituição perante à opinião pública, ainda mais, partindo de um colega - será desafeto paraense? Ademais, pelo que se tem veiculado na mídia nacional, eventuais irregularidades denunciadas estão sendo pontualmente investigadas, afinal, é de ser preservado e observado o constitucional princípio do devido processo legal, ou não?. Vamos ser mais ponderados nas manifestações, comedimento não faz mal à ninguém, contudo, ataques sem sentido lógico contempla a excrescência dos desarrazoados.

Ophir, mais demagogo impossível!

João Carlos Frota (Advogado Autônomo - Tributária)

O "presidente" da OAB, sr. Ophir não tem moral pra cobrar nada das outras instituições, faz parte do círculo que protege as regalias apelidadas de prerrogativas dos advogados.
Para ele é prerrogativa receber sem trabalhar, advogar contra a fazenda púlbica que o remunera e está trabalhando no seu escritório particular para empresas do Pará enquanto de licença do cargo de procurador do Estado.
É um falso-moralista! Mentiroso, diz que é legal, tudo legal. Igualzinho sua irmã a Eliana que recebeu 461 mil reais de auxílio moradia e foi investigar o Peluso, o Lewandovski e demais juízes, pois só ela poderia receber porque só o dela era legal.
Já Ophisinho Filho de Ophir papi recebeu mais de R$ 1,2 milhão e diz que é perseguição a denúncia lhe feita. Investigar os Juízes pode, investigar o Ophisinho não.
Que Conselho Federal medíocre é esse que já não afastou este cara?
Como advogado tenho nojo de toda essa trupe de malandros, bando de nojentos.
Vão pros quintos dos infernos.....

Corporativismo

Raphael Fernando Pinheiro (Procurador da República de 1ª. Instância)

Acho que essa discussão acaba dando ensejo um efeito dominó, pois traz a tona o corporativismo existente no Poder Judiciário. Há um regionalismo muito forte nos tribunais estaduais, vi declarações de desembargadores afirmando que as punições aos juízes devem ocorrer de forma precisa e silenciosa........ discordo disso, acho que a sociedade ...deve saber quem aplica a justiça neste país, há corrupção no terceiro poder e ela não deve ser ignorada. Apesar de muitas vezes sensacionalista, a imprensa tem se mostrado implacável em noticiar este fatos. Acho que essa "crise no Poder Judiciário pode influenciar e ampliar discussões a demais órgãos de justiça OAB, MP.... tenho um professor que diz que o PJ é o fantasma da monarquia, que se escondeu entre as linhas da República!!! De certa forma, a moeda da independência do PJ pode ter dois lados........

A OAB ACORDOU

ziminguimba (Outros)

A OAB, demorou mas, apareceu, entendo porém pisando em ovos. Na realidade o que estamos assistindo, é o seguinte: a Ministra Eliana Calmon, represeentando a vontade do povo, a opinião pública em geral, versus corrupição. Na realidade o que está faltando é o povo ir as ruas, em apoio a Ministra e protestestar contra a corrupição, com a devida austeridade.

Fatos que seriam interessantes serem levantados

Ramiro. (Advogado Autônomo)

Não falo nada que não esteja publicado, e que não tenha autoria definida.
http://oglobo.globo.com/rio/casal-de-juizes-sem-habilitacao-foge-de-blitz-da-lei-seca-em-botafogo-3013707
Pergunta: O que ficou decidido dentro do âmbito de todas as corregedorias, inclusive CNJ?
Tudo bem, vamos ponderar a diferença de gravidade dos fatos, mas ponderemos também o que é suspensão preventiva.
http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5476575-EI306,00-OABRJ+suspende+registro+de+advogados+detidos+com+Nem.html
Quanto ao casal de Juízes, sobrou ao menos advertência?

Sem querer dar uma de chato, mas inevitavelmente...

Ramiro. (Advogado Autônomo)

Os problemas da OAB? Por mais críticas que todos os Advogados tenham em relação a OAB, vez em quando é publicada uma lista de advogados expurgados dos quadros da Ordem.
Antes de me tornar advogado, tive problemas com defesa dativa, a DPGESP tirou o corpo fora, sobrou para quem? Para advogada dativa... Não precisei viajar a outro Estado, bastou relatar o fato, oferecer subsídios, foi aberto um processo preliminar, e houve depois notificação de que a questão estava entregue ao Tribunal de Ética e Disciplina.
Fico me perguntando. A OAB é tão displicente assim como polícia administrativa? Vozes dirão que sim. Alegarão inclusive o excesso de formalismos, defesas, recursos. Isso quando é na seara dos outros...
Não precisa ser em números absolutos, pode ser em números relativos, e com qualificação de gravidade das faltas, quantos a OAB excluiu de seus quadros, e quantos Corregedorias dos MPs e Tribunais, CNMP e CNJ, todas juntas, excluiram dos quadros da toga?
Com todo respeito à Magistratura e ao MP, mas a LOMAN e nenhum outro dispositivo legal vigente repristinou o artigo 99 da Constituição Outorgada de 1824, substituindo a palavra Imperador por Membro da Magistratura ou Membro do MP.
Fato, da mesma forma que algumas questões da Advocacia, levadas aos TEDs, por vezes por inciativa dos Magistrados, são de interesse da toga, muitas coisas que envolvem a toga são de interesse direto da Advocacia. Estamos todos numa mesma arca cheia de furos, com as galerias repletas de elefantes brancos que ninguém sabe muito bem o que fazer com esses, ao mesmo tempo que esses não sabem muito bem jogar água apra fora do casco...

Justiça como saco de pancada.

Republicano (Professor)

E os problemas da OAB? Da OAB? Da OAB? Ora, ora.

...

Soli Deo Gloria (Advogado Autônomo - Civil)

É, rapaz, como diria o saudoso Dr. Aristides Gaudêncio: "Isso é um verdadeiro absurdo! Corporativismo é prerrogativa exclusiva do advogado!"
ATENÇÃO
O Ministério do Humor Sem Graça adverte: piadas não devem ser levadas a sério, se você se sentiu ofendido(a), procure um médico ou assista uma apresentação de George Carlin.

OAB Demora para entrega da carteira

ze carlos (Bancário)

No dia 20.10.2011, protocolei requerimento na OAB Ceara e decorridos mais de dois meses, ainda não sei quando vou receber minha carteira de identidade. E um absurdo.

INCONCEBÍVEL PODER BLINDADO

Dr. Álvaro Lima (Advogado Autônomo - Civil)

NUM ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO NÃO SE PODE CONCEBER PODERES BLINDADOS. O PODER JUDICIÁRIO DEVE SATISFAÇÃO AOS SEUS MANTENEDORES, O POVO BRASILEIRO. NESSE COMENOS, CABE UMA OBSERVAÇÃO DE CUNHO PRAGMÁTICO: QUANDO É PARA SE INVESTIGAR O CIDADÃO COMUM, TENDO OU NÃO INDÍCIOS DE AUTORIA E MATERIALIDADE, OS MAGISTRADOS DE PLANO AUTORIZAM A SUA INVESTIGAÇÃO. AGORA, QUANDO É PARA ELES MESMOS SEREM INVESTIGADOS CRIAM ESSA BALBÚRDIA. QUE ABSURDO!

Comentar

Comentários encerrados em 3/01/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.