Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Realidade do mercado

Câmara aprova piso salarial para os advogados do DF

A Câmara Legislativa do Distrito Federal aprovou, na última semana, o Projeto de Lei 686/2011, que define o piso salarial para advogados que trabalham na iniciativa privada. Para as 20 horas semanais, o piso foi fixado em R$ 1,2 mil e, para 40 horas, R$ 2,1 mil.

O projeto prevê ainda o reajuste do montante em 1º de janeiro do ano subsequente, pela variação acumulada do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). A iniciativa do projeto foi da Ordem dos Advogados do Distrito Federal. A OAB-DF acredita na medida como forma de proteção do trabalhador no exercício da profissão.  

O presidente da OAB-DF, Francisco Caputo, afirmou que o valor ainda não é satisfatório, mas está dentro de uma realidade de mercado atual. "Estamos acostumados a testemunhar anúncios nos classificados com valores aviltantes de remuneração de advogado empregado", afirmou. Ele destaca que, com a aprovação do projeto, a realidade do advogado vai mudar. Com informações da Assessoria de Imprensa da OAB-DF.

Revista Consultor Jurídico, 19 de dezembro de 2011, 10h32

Comentários de leitores

1 comentário

parabéns

Délio Lins e Silva Junior (Advogado Associado a Escritório - Criminal)

Grande medida. Parabéns à Comissão de Apoio ao Advogado Iniciante da entidade - de onde partiu a idéia - e ao Conselho Seccional, que a encampou e enviou a proposta para a Câmara.

Comentários encerrados em 27/12/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.