Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Orçamento para 2011

Servidores da Justiça paulista organizam mobilização

Os servidores do Judiciário do estado de São Paulo farão uma mobilização nesta terça-feira (9/11) em defesa da Proposta Orçamentária do Tribunal de Justiça para o exercício de 2011. A categoria quer garantir o cumprimento do acordo celebrado no dissídio coletivo, que colocou fim, no início de setembro, aos 127 dias do movimento grevista no Judiciário paulista.

Para reforçar a luta pela não efetivação do corte proposto pelo Executivo de quase 54% na peça orçamentária do Poder Judiciário, os servidores vão se reunir em assembleia geral, a partir das 13 horas, em frente ao prédio da Assembleia Legislativa, no Edifício 9 de julho. Também está prevista reunião entre as entidades representativas dos servidores e o Colégio de Líderes da Casa, às 14h30, e Audiência Pública, proposta pelo deputado Carlos Giannazzi (PSOL), para discussão do tema.

Segundo a Associação de Base dos Servidores e Funcionários do Poder Judiciário do Estado de São Paulo (Assojubs), a mobilização na capital terá a participação dos servidores da Baixada Santista. Com informações da Assessoria de Imprensa da Assojubs.

Revista Consultor Jurídico, 9 de novembro de 2010, 3h51

Comentários de leitores

2 comentários

Desinformação ou má-fé?

observador_paulista (Outros)

A Lei de Responsabilidade Fiscal limita o percentual do orçamento que é destinado ao Poder Judiciário, logo, ao revés do que alegado pela comentarista anterior, impossível "todo o dinheiro público" ser destinado àquele.
E, quanto aos servidores do TJSP, não estão eles pleiteando "aumento salarial", como, equivocadamente mencionado, mas simples reposição, aliás, com base na CF e na Lei Estadual que instituiu a data-base da categoria.
Por fim, se a LRF fosse cumprida à risca, destinando-se efetivamente os 6% do orçamento estadual ao Judiciário, muitos dos problemas ali existentes seriam resolvidos.

em breve todo o dinheiro público será apenas para o Judiciár

analucia (Bacharel - Família)

em breve todo o dinheiro público será apenas para o Judiciário e nada melhora efetivamente.
DEixaremos de investir em saúde e educação apenas para construir palácios para o judiciário e aumentar salário de juizes e servidores.
Não se muda a gestão, apenas querem dinheiro para enxugar gelo.
A solução é controlar melhor a justiça gratuita, premiar a produtividade e investir em meios extrajudiciais.

Comentários encerrados em 17/11/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.