Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Comando alternado

Presidência da Câmara terá rodízio de PT e PMDB

O vice-presidente eleito, Michel Temer, fala com jornalistas após café da manhã com a presidente eleita, Dilma Rousseff - Antonio Cruz/ABrO presidente da Câmara e vice-presidente da República eleito, Michel Temer, confirmou que seu partido, o PMDB, entrou em acordo com o PT para manter na próxima legislatura o rodízio entre as duas legendas no comando da Casa. Temer, que também é presidente do PMDB, conversou sobre o assunto com o presidente do PT, José Eduardo Dutra. As informações são da Agência Câmara.

"Nós vamos firmar um documento pelo qual haverá um rodízio. O primeiro biênio de um partido, o segundo biênio de outro partido. Quem ocupará o primeiro ou segundo biênio, isso é coisa que vamos deixar lá para janeiro", disse Temer.

O PT elegeu, nessas eleições, 88 deputados. Assim, alcançou a maior bancada da Câmara. O PMDB vem em segundo lugar, com 79 deputados eleitos. Em geral, os deputados adotam o critério da proporcionalidade partidária para definir o partido que irá presidir a Casa, ou seja, a legenda com mais deputados eleitos costuma assumir a presidência da Câmara.

Temer disse ainda que, a partir desta quarta-feira, os trabalhos na Câmara serão retomados.

Revista Consultor Jurídico, 3 de novembro de 2010, 16h20

Comentários de leitores

1 comentário

FALTOU A PIZZA

Fernando José Gonçalves (Advogado Sócio de Escritório)

TEMER esqueceu-se de se pronunciar, também, sobre o rodízio de pizzas que com a atual presidência e vice-presidência será ainda mais intenso do que em qualquer outra época 'da história deste país'

Comentários encerrados em 11/11/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.