Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Ponto Jus

Supremo lança canal digital da TV Justiça

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, lançou na terça-feira (23/3) o "Ponto Jus" (.Jus), um canal da multiprogramação digital da TV Justiça que será dedicado ao conhecimento jurídico. 

O presidente destacou que a TV Justiça contribui também para a universalização do ensino de qualidade no país, na medida em que produz conteúdos que repercutem na formação da cidadania. Para ele, o novo canal voltado exclusivamente ao aprendizado do Direito de modo didático e sistematizado veio para “ultrapassar fronteiras”.

De acordo com Gilmar Mendes, as diversas programações inseridas nesse novo meio de comunicação com a sociedade permitem não só ampliar o conhecimento da comunidade jurídica, como também, estender a distribuição mais igualitária dos meios educacionais de excelência.

O "Ponto Jus" estreia com 2000 horas gravadas com os principais programas campeões de audiência da TV Justiça: "Saber Direito", "Apostila", "Prova Final", entre outros, que são já exibidos normalmente pela TV Justiça e disponibilizados, também, no canal oficial do STF no YouTube. A diferença é que agora também poderão ser vistos organizados de forma temática.

Ele declarou, ainda, que a flexibilização de horários promovida pelo novo canal permitirá o acesso de cidadãos de diferentes perfis, com a vantagem de possibilitar a livre adequação de qualquer rotina de trabalho ou estudo. “Sem falar do conforto de o espectador, sem precisar sair de casa, programar-se com antecedência para receber aulas ministradas por grandes nomes da comunidade jurídica nacional”. 

Durante a solenidade estiveram presentes o presidente do Superior Tribunal de Justiça, Cesar Asfor Rocha, os conselheiros do Conselho Nacional de Justiça Marcelo Nobre, Milton Nobre e Nelson Thomás Braga, Carlos Alberto Freire, representando o ministro das Telecomunicações, e Marcus Vinícius, representante do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, além de servidores do STF e colaboradores da TV Justiça.

O "Ponto Jus" entrou no ar a partir desta terça-feira (23/3) e conta com programas de destaque em educação e cidadania 24h por dia. Serão apresentados diariamente dois telejornais, dois boletins, 15 programas produzidos pela TV Justiça e 35 programas produzidos pelos órgãos do Judiciário e instituições parceiras.

Os programas mostram o cotidiano do Judiciário com linguagem simples, classificados por faixas temáticas, e ministrados por consultores jurídicos especializados.

Sintonia
Para sintonizar o "Ponto Jus" é preciso ter uma antena parabólica ou um receptor digital. É necessário configurar o receptor digital (Set Top Box) ou conversor. Cada aparelho integrado a um televisor identificará, conforme a configuração, o número do canal da TV Justiça.

Por exemplo, há receptores que, após selecionar a varredura automática dos canais, identificam o canal 52 Digital (TV Justiça) em Brasília como canal 53-1 e o canal TV Justiça - Ponto Jus como 53-2. Em São Paulo, após o mesmo procedimento de varredura automática dos canais, há receptores que identificam como canal 64-1 (TV Justiça) e canal 64-2 (TV Justiça - Ponto Jus). Com informações da Assessoria de Imprensa do Supremo Tribunal Federal.

Para sintonizar pela parabólica, é preciso adotar os seguintes parâmetros:
Satélite: C2 - StarOne
Frequência de recepção: 3.673,50 MHz
Polarização: Vertical
Taxa de informação: 9215,00 Mbps
Symbol Rate: 6666,17
FEC: 3/4 

Canal Ponto Jus
Vídeo: 389
Áudio: 390
PCR: 389
PIDs (DECIMAL): 

TV Justiça
Vídeo: 289
Áudio: 290
PCR: 289

Revista Consultor Jurídico, 24 de março de 2010, 14h40

Comentários de leitores

1 comentário

Internet como meio de difusão, por exemplo:Youtube

okel (Advogado Autônomo - Civil)

Se os programas fossem disponibilizados, por tema, na internet, em sítios como o www.Youtube.com, a medida que é ótima passaria a excelente e permitiria a distribuição mais igualitária e democrática dos meios educacionais de excelência. Afinal o acesso à internet é infinitamente maior do que o acesso aos canais digitais e seus receptores.

Comentários encerrados em 01/04/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.