Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Eleições 2010

Audiência discute licitação para compra de urnas

O edifício-sede do Tribunal Superior Eleitoral recebeu, nesta terça-feira (27/7), uma audiência pública sobre registro de preços para a aquisição de novas urnas eletrônicas. A medida está embasada no artigo 39 da Lei de Licitações. A audiência foi conduzida pelo secretário de Tecnologia da Informação do TSE, Giuseppe Janino.

Representantes das empresas que concorrerão ao processo de licitação para a compra das urnas, representantes de partidos e de órgãos ligados à área de tecnologia, professores e interessados no assunto participaram do evento. Eles puderam ver um modelo básico com as especificações da urna eletrônica modelo 2010. O equipamento deve oferecer um terminal de eleitor, um módulo impressor e o terminal do mesário. Além disso, a empresa escolhida irá desenvolver o modelo da urna deste ano e elaborar os documentos técnicos.

Na mesma ocasião, um espaço foi aberto para que os participantes pudessem se manifestar. O secretário explicou que várias opiniões, principalmente relacionadas ao mercado, foram colhidas. “Isso certamente vai garantir melhorias ao projeto da urna”, explicou Janino.

De acordo com Janino, as 150 mil urnas modelo 2000 estão sendo substituídas. Os dez anos de uso acarretaram um alto índice de falhas. Dessa forma, o TSE pretende fazer um registro dos preços apresentados pelas empresas que concorrerão no processo licitatório. Nas eleições deste ano, é possível que 200 mil urnas sejam utilizadas. A urna modelo 2002 ainda será usada em outubro, no caso de precisar substituir outros equipamentos que venham a falhar. Com informações da Assessoria Imprensa do TSE.

Revista Consultor Jurídico, 28 de julho de 2010, 11h19

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 05/08/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.