Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Regime diferenciado

Beira-Mar pede para não cumprir pena em RDD

A defesa de Luis Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, impetrou Habeas Corpus no Supremo Tribunal Federal pedindo para deixar de cumprir a pena no Regime Disciplinar Diferenciado (RDD). Beira-Mar está na Penitenciária Federal de Campo Grande (MS), cumprindo pena por tráfico de drogas.

Para a defesa, seu cliente vem sendo submetido sucessivamente ao RDD, com regras que desbordam os limites da lei, com “rigores que estabeleceram uma rotina cruel, desumana e degradante”.

O advogado sustenta que, mesmo que seu cliente não esteja cumprindo pena em RDD no momento, o pedido é para que seja anulada decisão do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3), que permite ao juiz de execução aplicar ao condenado o RDD. “A decisão perseguida servirá de garantia jurídica de que o regime disciplinar diferenciado com restrições não previstas em lei não poderá ser novamente aplicado em desfavor do paciente.”

O ministro Ayres Britto, no exercício da presidência do Supremo Tribunal Federal, pediu informações ao Juízo Federal da Execução Penal de Campo Grande para instruir o Habeas Corpus. Com informações da Assessoria de Imprensa do STF.

HC 104.815

Revista Consultor Jurídico, 14 de julho de 2010, 15h44

Comentários de leitores

1 comentário

beiramar culto

dinarte bonetti (Bacharel - Tributária)

Como Beiramar é inteligente, e tem tempo para estudar, já está descobrindo os inumeros furos de nosso codigo penal que, bem administrado, dá inimaginaveis vantagens a quem bem o manobra.
Daqui a pouco, consegue um HC.

Comentários encerrados em 22/07/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.