Consultor Jurídico

Notícias

Nota de falecimento

Morre assessor jurídico da Presidência do TJ-PB

Morreu, na quarta-feira (29/1), o assessor jurídico da Presidência do Tribunal de Justiça da Paraíba e advogado Fernando Antônio de Figueiredo Porto, 58 anos. Ele estava internado no Hospital da Unimed, em João Pessoa. A morte foi causada por um câncer.

Fernando Porto não chegou a completar um ano como assessor jurídico do TJ-PB. Ele assumiu o cargo em fevereiro de 2009. Neste manhã, durante a sessão administrativa do Tribunal Pleno, o presidente do TJ-PB Luiz Silvio Ramalho Júnior propôs voto de pesar à família. O Colegiado deferiu.

Porto era casado com Ângela Maria Mota de Figueiredo e pai de quatro filhos. São eles: Fernando Américo de Figueiredo Porto, Duína Porto Belo, Catarina Mota de Figueiredo Porto e Ludmila Mota de Figueiredo Porto. Segundo a filha, Duína Porto Belo, o corpo será velado na Casa de Velório Caminho da Paz, na BR-230, Estrada de Cabedelo, e cremado em cerimônia às 14h30. Com informações da Assessoria de Imprensa do Tribunal de Justiça da Paraíba.

Revista Consultor Jurídico, 20 de janeiro de 2010, 13h42

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/01/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.