Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Nova sede

Construção do TRF-1 será retomada em janeiro

A Engefort Construtora será responsável pelo prosseguimento das obras de construção da nova sede do Tribunal Federal da 1ª Região. O desembargador federal Olindo Menezes assinou nesta segunda-feira (27/12) contrato com a empresa vencedora da licitação. As obras da terceira etapa devem começar no dia 3 de janeiro de 2011.

Os trabalhos envolvem a complementação das fundações e dos elementos estruturais. O contrato com a Engefort inclui despesas com fornecimento de materiais, fretes, mão-de-obra, equipamentos, assistência técnica, administração, cessão técnica, licenças inerentes às especialidades, inclusive encargos sociais, tributos e seguros, necessários para a execução dos serviços.

A previsão é de que esta etapa seja concluída em 20 meses. O representante da Engefort, Leonardo Nunes Gonçalves, garantiu ao presidente do TRF-1 que a empresa atuará de forma transparente e compromissada.

Participaram a assinatura do contrato o diretor-geral do TRF-1, Felipe dos Santos Jacinto, o diretor da Secretaria de Administração, Ruiter Roberto Ramos, o assessor jurídico da Diretoria-Geral, Agamenon dos Santos, o diretor de Engenharia e Manutenção, José Murilo Cruz Brito, a diretora da Divisão de Contratos, Neuza Ortiz, o engenheiro Luiz Otávio Montezuma e o membro da Comissão de Licitação Carlos Tadeu da Rocha.

Licitação
Desde meados de outubro deste ano, a Comissão Especial de Licitação (CEL) do TRF-1, presidida pelo secretário-geral da Presidência, Joseny Marques Freire, e tendo como membros os servidores Maria Cristina Turnes, diretora da Divisão de Material e Patrimônio (Dimap), Carlos Tadeu da Rocha, oficial de gabinete da Assessoria Jurídica (Asjur), e Elizete Ferreira Costa, vem trabalhando nos procedimentos licitatórios para a escolha da empresa. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRF-1.

Revista Consultor Jurídico, 29 de dezembro de 2010, 8h33

Comentários de leitores

1 comentário

Obra temerária

Ricardo Cubas (Advogado Autônomo - Administrativa)

Ao que me consta existe uma PEC onde se propõe desmembrar o TRF da 1a. Região.
.
O projeto das novas instalações do TRF-1 não levou em consideração a hipótese de aprovação dessa PEC, caso em que teremos mais uma obra superdimensionada por fato razoavelmente previsível.
.
Aliás, estamos diante do dilema do ovo e da galinha. Aguardar as obras ou aguardar a PEC?
.
Como dinheiro público nesse país é lixo, optou-se por tocar as obras, ainda que, ao final, fiquemos com um grande elefante branco.

Comentários encerrados em 06/01/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.