Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Rescisão de contrato

Vasco vai pagar R$ 2,3 mi pra romper com patrocínio

A Justiça está obrigando o Vasco da Gama a pagar R$ 2,3 mi para romper com patrocínio com o Habib's. Embora o acordo com o Banco BMG para estampar a marca na manga da camisa do clube já esteja concluído, o anúncio oficial só pode ser feito após o pagamento do valor. O vice-presidente de futebol, José Hamilton Mandarino, confirma. As informações são do jornal O Dia.

"Temos um acordo fechado com o BMG e vamos pagar ao Habib's até a segunda quinzena de janeiro o valor estabelecido pela Justiça. Infelizmente, não nos cabe outra coisa que pagar esse valor absurdo", lamentou Mandarino.

O acordo com a rede de lanchonetes foi firmado pelo ex-presidente Eurico Miranda. Ao assumir, a nova diretoria questionou os valores, considerados muito abaixo do mercado. A multa rescisória era de aproximadamente R$ 3 milhões, mas o clube lutou para rescindir sem pagar qualquer valor. Nos últimos meses, inúmeras brigas judiciais foram travadas, mas o caso agora parece ter chegado ao fim.

O clube receberá cerca de R$ 5,5 milhões por temporada do BMG, dinheiro suficiente para pagar a multa estabelecida pela Justiça no caso Habib's e ainda sobrará uma boa quantia para aliviar os cofres de São Januário.

Revista Consultor Jurídico, 25 de dezembro de 2010, 16h36

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 02/01/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.