Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Agressão na Paulista

Secretaria abre processo contra acusados de violência

O secretário da Justiça e da Defesa da Cidadania de São Paulo, Ricardo Dias Leme, determinou nesta quinta-feira (23/12) a instauração de um processo administrativo contra os cinco acusados de agredir três jovens que circulavam na Avenida Paulista no dia 14 de novembro deste ano.

A Comissão Processante Especial enquadrou o caso na Lei 10.948/01, que pune de forma administrativa atos e natureza homofóbico, e decidiu por sanções de advertência e multa de R$ 1.620 a R$ 49.260. Segundo nota da Secretaria da Justiça, a punição também é válida para os quatro adolescentes envolvidos nas agressões. Os denunciados serão citados e, após o recebimento da denúncia, terão 15 dias para apresentar defesa por meio de seus advogados.

Medidas socieducativas
Também nesta quarta-feira, três dos quatro adolescentes, que após a agressão foram detidos em uma das unidades da Fundação Casa (antiga Febem), foram libertados. O único que ficou internado foi o rapaz que aparece em imagens de câmeras de segurança atacando os jovens com uma lâmpada fluorescente.

O juiz Egberto de Almeida Penido, da 1ª Vara da Infância e da Juventude de São Paulo, decidiu que os três devem cumprir medidas socioeducativas em liberdade assistida. O trio terá de trabalhar em uma instituição que luta contra discriminação. O quinto acusado, o estudante Jonathan Lauton Domingues, 19 anos, continua foragido. Ele teve a prisão decretada na última terça-feira.

Revista Consultor Jurídico, 23 de dezembro de 2010, 19h40

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 31/12/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.