Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Acusação de intimidação

Três delegados da PF são denunciados à Justiça

O Ministério Público Federal denunciou à Justiça três delegados da cúpula da Polícia Federal no Rio. Eles são acusados de intimidar outro delegado que denunciou irregularidades no Aeroporto Internacional Tom Jobim. O superintendente regional, Ângelo Fernandes Gióia, o corregedor, Luiz Sérgio de Souza Góes, e o chefe do Núcleo de Disciplina da Corregedoria, Robson Papini Mota, são acusados de abrir duas sindicâncias contra o delegado que fez a denúncia, supostamente para intimidá-lo. As informações são da Agência Brasil.

O delegado teria revelado ineficiência da Polícia Federal no combate ao tráfico de drogas e armas no aeroporto, aponta a denúncia recebida pela 8ª Vara Federal Criminal do Rio. Ele não teve o nome divulgado pelo Ministério Público. Menos de dez dias depois, dois processos disciplinares foram abertos. Por força de um deles, a vítima foi afastada.

Segundo os procuradores da República Fabio Seghese e Marcelo Freire, o processo disciplinar é “completamente atípico e extraordinário para os padrões do setor”.

Os acusados responderão por denunciação caluniosa, coação no curso do processo e abuso de autoridade. Além disso, o MPF pediu o afastamento dos três delegados de suas funções e moveu ação de improbidade administrativa com pedido de afastamento cautelar e suspensão dos processos disciplinares em curso.

Revista Consultor Jurídico, 14 de dezembro de 2010, 13h31

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 22/12/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.