Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Polícia Civil

Governo vai investir R$ 500 milhões em tecnlogia

O ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, apresenta os resultados da Operação Sentinela - Fabio Pozzebom/Agência Brasil

O governo federal vai investir R$ 100 milhões do orçamento de 2011 em tecnologia para as polícias civis. O ministro da Justiça, Luiz Paulo Bernardo (na foto), planeja fazer concursos públicos para aumentar o número de agentes nos estados e melhorar a capacitação dos policiais com cursos no exterior. As informações são da Agência Brasil.

Barreto disse que o ministério aguarda a aprovação do Congresso Nacional de uma verba de R$ 500 milhões para a construção de novos presídios. Ele afirmou que essa medida irá desafogar as delegacias e liberar mais agentes para os trabalhos de investigação.

De acordo com o ministro, o baixo índice de solução de crimes aumenta a atmosfera de impunidade. Ele disse que apenas 10% dos casos de homicídio chegam ao Tribunal do Júri ou à condenação por causa de falhas na investigação.

“O Brasil durante muito tempo investiu na polícia preventiva, na polícia ostensiva. É preciso continuar esse investimento, mas é preciso também investir maciçamente na polícia de investigação, na perícia criminal. Nós temos que dar a mesma prioridade para as polícias civis também. E a melhor maneira de conter a criminalidade é promover a punição dos crimes a partir de uma investigação criminal”, avalia.

Barreto também anunciou a formação de uma unidade especial da Polícia Civil na Força Nacional de Segurança Pública. Segundo Barreto, cerca de 500 agentes, inicialmente, serão capacitados para formar um contingente que irá atender a emergências de segurança em qualquer parte do território nacional.

[Foto: Fabio Pozzebom/Agência Brasil]

Revista Consultor Jurídico, 27 de agosto de 2010, 7h04

Comentários de leitores

2 comentários

corrijam o título

preocupante (Delegado de Polícia Estadual)

O título da matéria diz que o governo vai investir 500 milhões em tecnologia para a polícia civil. Qunado aborda o tema fala que esse valor será investido na construção de presídios e contratação de agentes penitenciários, enquanto a polícia civil terá investimento de 100 milhões em 2011. Creio que da forma como está o testo induz as pessoas a acreditarem no que está expresso no titulo da matéria e não no que ela contém. é preciso que se saiba que investimento em construção de presídio e contratação de agentes penitenciários não tem nada a ver com investimento na polícia civil, pois são órgãos diferentes.
Outro aspecto de importancia é que o governo federal nessses oito anos de governo nada fez de investimento para fortalecer a polícia civil nocombate a criminalidade desenfreada. Por que só em 2011 pretende investir aos trocados? Obviamente porque em 2011 ele não estará mais no governo e está tentando fazer com que o povo brasileiro e os policiais civis esquecam o descaso com que ele tratou essa categoria de policiais. Apenas a titulo de exemplo, quem não sabe das artimanhas utilizadas por esse governo para impedir a aprovação de leis importantes e de interesse dos policiais civis, como a PEC 300 e a que trata de reconhecer como carreira jurídica a atividade dos delegados de polícia?

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Manente (Advogado Autônomo)

Enquanto isso, o crime organizado investe 1, 2, 3 ou mais bilhões em armas, drogas, corrupções, etc.
Outro detalhe, no crime organzado não há SUPERFATURAMENTO!!!

Comentários encerrados em 04/09/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.