Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Logística judiciária

Central distribui 200 mandados em uma semana

Espaço da Central de Mandados do Fórum João Mendes - AC/TJSP

Na primeira semana de funcionamento, a Central de Mandados no Fórum João Mendes Júnior distribuiu aproximadamente 200 mandados. O serviço, que teve início no último dia 2, concentra os mandados de 12 Varas de Família, da Infância e Juventude, 1ª e da 2ª Varas de Registros Públicos e duas Varas de Falências e Recuperações Judiciais.

Os mandados são distribuídos entre os 48 oficiais de Justiça. Cada um é responsável por uma região pré-fixada, definida por faixa de CEP, o que possibilita a distribuição do trabalho de forma igualitária entre os oficiais de Justiça, pois o próprio sistema leva em consideração não apenas a quantidade de mandados, como também a complexidade do cumprimento de cada diligência (citação, intimação, penhora etc.).

Segundo o juiz corregedor da central e titular da 12ª Vara da Família e Sucessões, Ricardo Pereira Júnior, antes, cada vara tinha um número reduzido de oficiais para cobrir a cidade; com a implementação do setor de mandados e a organização por região, há um número maior de oficiais para cobrir uma área mais reduzida. “Isso significa redução do tempo necessário para a locomoção dos oficiais, uma vez que o oficial fica concentrado numa área específica, permitindo que passe a conhecer muito bem a região da cidade em que vai exercer sua atividade, ficando mais fácil a localização do endereço. Além disso, garante uma divisão adequada de serviço na ausência de um ou mais oficiais, no caso de férias, licenças e afastamentos”, concluiu.

O secretário de primeira instância Fábio Pacheco Dutra lembrou que há uma grande economia de tempo e de trabalho, pois além das vantagens já citadas, o cartório não tem mais a incumbência administrativa de cuidar da vida funcional dos oficiais de Justiça, como, por exemplo, frequência e férias.

Nesta quinta-feira (12/8), o Tribunal de Justiça de São Paulo instalou as Centrais de Mandados nas comarcas de Santo André e São Bernardo do Campo. As próximas serão em Avaré, entre os dias 13 e 19 de setembro, e Sertãozinho, entre 27 de setembro e 1º de outubro. Já estão autorizadas também as instalações nos municípios de Itanhaém, Peruíbe, Diadema, Osasco e Guarulhos.

A presidência do TJ-SP está finalizando estudos para a instalação de centrais nas varas cíveis do Fórum João Mendes Júnior e nas criminais do Fórum Ministro Mário Guimarães, na Barra Funda. Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-SP.

[Foto: AC/TJ-SP]

Revista Consultor Jurídico, 13 de agosto de 2010, 4h33

Comentários de leitores

1 comentário

Quantos mandados por homem hora foram cumpridos e juntos?

Ricardo de Faria (Advogado Autônomo - Internacional)

A eficiência e eficácia desta notícia pode ser melhorada:
1. Quantos oficiais de justiça?
2. Qual o tempo médio dispendido com todo o processo até juntada nos autos para cada mandado?
3. Qual a relação homem/hora de cada ciclo completo acima.
4. Qual a velocidade de digitação de caracteres por minuto em prática média: 40 caracteres costuma ser o padrão de quem usa teclado, ao passo que a Justiça dos EUA e sua polícia cada vez mais usa o reconhecimento de voz para o que se falar virar texto no editor, acelerando a entrada de dados para 140 caracteres por minuto, sem teclado, sem tenosinovite e sem erros pois o corretor ortografico passa de modo automático, razão do meu ponderar ao CNJ que não basta estar online mas imperativo usar reconhecinto de voz. O ViaVoice está obsoleto e o Dragon Naturally Speaking da Nuance já é usado até para tudo que se fala ao celular virar letrinha no editor do computador. Sem isto não temos como competir nem temos segurança jurídica e num país que se acha grande mas não detém 1% dos contratos mundiais. Como contratar sem o reconhecimento de voz. Vai chegar no Brazil, trazido no celular da ZTE ao início de 2012. O Ministério da Cultura acertadamente pondera que isto é o mais prioritário depois da Libertação dos Escravos para um país que tem fome de educação.
http://culturadigital.br/
http://culturadigital.br/groups/pela-implantacao-do-reconhecimento-de-voz-ptbr/
RICARDO Gomes de Paiva DE FARIA.
https://ricardodefaria.pip.verisignlabs.com
Rio de Janeiro, RJ Brazil - Olympic City 2016
ricardodefaria@ricardodefaria.com
+55-21-25498917
+55-21-81069927

Comentários encerrados em 21/08/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.