Consultor Jurídico

Notícias

Avanços da sociedade

TJ-MT autoriza adoção de criança por homossexuais

Comentários de leitores

10 comentários

É o ESTADO se LIVRANDO dos PROBLEMAS de ORFANDADE ! ! !

A.G. Moreira (Consultor)

Está na hora do Congresso Nacional criar LEIS, que OBRIGUEM os AGENTES DO ESTADO , que DECIDEM PELO POVO , a TOMAREM OS MESMO REMÉDIOS QUE as AUTORIDADES RECEITAM E DETERMINAM PARA OS CIDADÃOS ! ! !
.
Neste caso, por exemplo, os "senhores magistrados" deveriam ser OBRIGADOS a colocarem os SEUS FILHOS em CRECHES, ESCOLAS, FACULDADES, ETC., geridas, EXCLUSIVAMENTE, por "GAYS" ou EXCLUSIVAMENTE, por "LÉSBICAS" ! ! !

Parabéns!

Guilherme G. Pícolo (Advogado Autônomo - Civil)

Acho que a questão está mais para a filosofia e a sociologia do direito: na dimensão valorativa, deve atender a demanda social dentro de uma visão axiológica contemporânea e universalista. Vale também mencionar o conceito do "Direito Vivo" de Erlich, no sentido de que o direito não pode se dissociar da realidade social.
.
De outro modo, em se tratando de antinomia da norma constitucional, no meu entender a interpretação restritiva do art. 226 estaria em dissonância com os princípios da dignidade humana, da isonomia e da legalidade, uma vez que a vida sentimental, exercida dentro dos limites da lei, é um direito inalienável e imanente da própria personalidade (até porque a ciência já provou a existência do homossexualismo entre diversas espécies do reino animal, refutando a pseudotese de que se trata de "aberração antinatural").
.
Por fim, a adoção no contexto atual visa, em primeiro plano, ao bem-estar do menor (é o que preceitua o ECA e o CC). Não estaria a criança melhor no seio de uma "família" homossexual, recebendo toda a assistência material e afetiva que necessita, do que nas ruas ou numa Fundação CASA da vida?

O MAIOR AVANÇO QUE O BRASIL E O MUNDO FARIAM

ERSANTOS (Bacharel - Civil)

O maior avanço que o Brasil e o mundo fariam, é proporcionar uma vida digna, em que pai e mãe, de genética natural, possam ter um tempo disponível para seus filhos lazer, suporte basilar que era a família, onde o estado, suposto administrador do bem publico, que pertence a este povo que grita por socorro, enquanto, os que estão no poder e não movem um músculo, ou se quer, se sensibiliza com que acontece no meio social, ou seja, 90%, da população que, os quais, grande parte são pais que não podem manter uma relação afetiva com os filhos e esposa, e esta da mesma maneira, também sem tempo para os filhos e esposo, fazendo com que venha refleti nos filhos a sensação de abandono; os quais acabam buscando a relação que falta com os pais nas ruas, onde se envolvem com a sujeira que os governantes não se preocupam a mínima de solucionar. A solução não está em tirar de um para dar a outro - sei que orfanatos estão cheios de crianças órfãs, mas também de crianças que têm pais vivos; pais estes que se encontram nas drogas e nas ruas ou que não deram conta de conciliar trabalho, família. Muitos buscando cursos para melhorar de condições em meio a tanta mazela. São estes que primeiro têm que ser resgatados, para que possam dar e fazerem o seus papeis de pai e mãe, com condições digna à educação de seus filhos. Qual a educação, de cunho familiar, que um casal formado por pessoas do mesmo sexo pode dar a uma criança. PEGUNTA O FILHO - como vim ao mundo? já que vocês são meus pais e mães. Qual dos dois dará a luz a um irmãozinho, pois a mãe do meu colega de colégio está esperando um neném. Mães ou Papais, me disseram que o natural do ser humano é o homem e a mulher constituírem família e que a mulher engravida do marido. O que houve com vocês? Qual é o certo?

O BRASIL E O MUNDO CAMINHA PARA O CAUS APERTEM OS CINTOS

ERSANTOS (Bacharel - Civil)

O BRASIL E O MUNDO CAMINHA PARA O CAUS, APERTEM OS CINTOS, os nossos legisladores e juristas perderam o rumo das coisas. Os primeiros criam dispositivos sem controle, só para garantirem seus futuros votos, achando eles que o problema não chegará às portas das suas residências, e tudo vira uma bola de neve. Os outros com o pensamentos de deuses, atribuem ao dispositivo legal, criado pelos anteriores, a interpretação que melhor lhes aprouver, pouco importa se causará algum problema nacional. E assim, o Brasil, vai se transformando em uma panela de pressão, onde os ingredientes são as leis, e a lenha a ser queimada são os supostos detentores e delegadores de poder (O POVO).

O MAIOR AVANÇO QUE O BRASIL E O MUNDO FARIAM

ERSANTOS (Bacharel - Civil)

O maior avanço que o Brasil e o mundo fariam, é proporcionar uma vida digna, em que pai e mãe, de genética natural, possam ter um tempo disponível para seus filhos lazer, suporte basilar que era a família, onde o estado, suposto administrador do bem publico, que pertence a este povo que grita por socorro, enquanto, os que estão no poder e não movem um músculo, ou se quer, se sensibiliza com que acontece no meio social, ou seja, 90%, da população que, os quais, grande parte são pais que não podem manter uma relação afetiva com os filhos e esposa, e esta da mesma maneira, também sem tempo para os filhos e esposo, fazendo com que venha refleti nos filhos a sensação de abandono; os quais acabam buscando a relação que falta com os pais nas ruas, onde se envolvem com a sujeira que os governantes não se preocupam a mínima de solucionar. A solução não está em tirar de um para dar a outro - sei que orfanatos estão cheios de crianças órfãs, mas também de crianças que têm pais vivos; pais estes que se encontram nas drogas e nas ruas ou que não deram conta de conciliar trabalho, família. Muitos buscando cursos para melhorar de condições em meio a tanta mazela. São estes que primeiro têm que ser resgatados, para que possam dar e fazerem o seus papeis de pai e mãe, com condições digna à educação de seus filhos. Qual a educação, de cunho familiar, que um casal formado por pessoas do mesmo sexo pode dar a uma criança. PEGUNTA O FILHO - como vim ao mundo? já que vocês são meus pais e mães. Qual dos dois dará a luz a um irmãozinho, pois a mãe do meu colega de colégio está esperando um neném. Mães ou Papais, me disseram que o natural do ser humano é o homem e a mulher constituírem família e que a mulher engravida do marido. O que houve com vocês? Qual é o certo?

Mais uma prova do Macarthismo no Brasil

Surfistaweb3D (Engenheiro)

O Senador Mac Arthur é a bola da vez, nessa onda de ódio e preconceito, aos que são diferentes de nós.
.
Nada do que se aprendeu ao longo do Rio Yalu na Coréia é absorvido, o Brasil é tomado por Macarthistas, que querem desnutrir, o muito pouco que resta de solidariedade as crianças neste Brasil.
.
Viva o Macarthismo, que triste página do Direito, temos de ler no cotidiano dos que revivem o senador americano.
.
Triste mesmo, preconceito é PUNK!

Mais uma prova do Macarthismo no Brasil

Surfistaweb3D (Engenheiro)

O Senador Mac Arthur é a bola da vez, nessa onda de ódio e preconceito, aos que são diferentes de nós.
.
Nada do que se aprendeu ao longo do Rio Yalu na Coréia é absorvido, o Brasil é tomado por Macarthistas, que querem desnutrir, o muito pouco que resta de solidariedade as crianças neste Brasil.
.
Viva o Macarthismo, que triste página do Direito, temos de ler no cotidiano dos que revivem o senador americano.
.
Triste mesmo, preconceito é PUNK!

Mais uma prova do Macarthismo no Brasil

Surfistaweb3D (Engenheiro)

O Senador Mac Arthur é a bola da vez, nessa onda de ódio e preconceito, aos que são diferentes de nós.
.
Nada do que se aprendeu ao longo do Rio Yalu na Coréia é absorvido, o Brasil é tomado por Macarthistas, que querem desnutrir, o muito pouco que resta de solidariedade as crianças neste Brasil.
.
Viva o Macarthismo, que triste página do Direito, temos de ler no cotidiano dos que revivem o senador americano.
.
Triste mesmo, preconceito é PUNK!

...?

Okay (Outros - Civil)

Avanços da sociedade?
Uma criança de orfanato, sem pais, com tendências a problemas sociais futuros, e que agora podem ser adotados por casais homossexuais. Isso não é um avanço, isso é um retrocesso da sociedade. Queremos deputados como David Bahati!!!

Que avanço!!!

Eduardo (Funcionário público)

Discordo veementemente desta decisão. O que vai contra a natureza humana não pode ser entendido como avanço da sociedade. Não se trata de preconceito ou desrespeito à dignidade humana do homossexual, mas valores pessoais que não se coadunam com esse tipo de conduta.

Comentar

Comentários encerrados em 7/05/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.