Consultor Jurídico

Problema técnico

Sistema processual do TJ-PE volta a funcionar

O sistema processual do Tribunal de Justiça de Pernambuco já está funcionando. Um problema técnico no computador central fez com que o sistema permanecesse indisponível de 17 a 22 de março. Em nota, o TJ pernambucano informou que os casos emergenciais foram distribuídos de forma manual assim como o ajuizamento de petições.

A seccional da OAB em Pernambuco havia enviado um ofício ao presidente do TJ, pedindo a suspensão dos prazos processuais devido à paralisação do sistema processual.

A diretoria do Foro do Recife afirmou que as secretarias das varas serão orientadas a operar manualmente os arquivos eletrônicos. “Na impossibilidade de localização dos autos, a Chefia de Secretaria da Vara deverá emitir certidão a fim de resguardar e prevenir direitos, enviando cópia da certidão à Diretoria do Foro”, diz a nota.

A diretoria de informática do TJ-PE também informou que caso algum problema seja detectado no sistema, deverá ser imediatamente informado ao órgão pelos telefones de suporte ao Judwin 1º Grau: (081) 3419-3645, 3419-3623, 3419-3695, 3419-3735, 3419-3783, 3419-3779. Com informações da Assessoria de Imprensa do Tribunal de Justiça de Pernambuco.

Leia a nota

Em atenção ao ofício de nº 079/2009 enviado pela Presidência da OAB/PE na data de 19 de março de 2009 à Presidência do Tribunal de Justiça de Pernambuco, a Diretoria do Foro da Comarca do Recife, cumprindo orientação da Presidência do Tribunal de Justiça de Pernambuco, informa o seguinte:

Conforme é de conhecimento público, o sistema Judwin-1ºGrau apresenta problemas operacionais desde a data de 17 de março de 2009 por conta de falhas técnicas no servidor, tendo provocado uma paralisação no sistema de dados do 1º grau;

Equipe técnica do TJPE está envidando esforços no sentido de regularizar a situação o que deve acontecer até a próxima segunda feira dia 23 de março de 2009;

Em relação aos prazos processuais informa a Diretoria do Foro do Recife que os casos emergenciais estão sendo distribuídos excepcionalmente de forma manual, bem como os sistemas Progeforo e Progefácil – ajuizamento de petições – com DARJ emitido pela Diretoria do Foro, continuam funcionando normalmente, não havendo solução de continuidade, nem risco de perda de prazo pelas partes e advogados;

Quanto ao acesso aos autos, informa a Diretoria do Foro do Recife que as Secretarias das Varas serão orientadas a empreender os esforços necessários para operar manualmente os arquivos eletrônicos no sentido de viabilizar o atendimento das partes e advogados. Na impossibilidade de localização dos autos, a Chefia de Secretaria da Vara deverá emitir certidão a fim de resguardar e prevenir direitos, enviando cópia da certidão à Diretoria do Foro;

Por fim, informa que a Diretoria do Foro do Recife está de prontidão para esclarecer quaisquer dúvidas que surgirem, atendendo partes e advogados, bem como autorizada a emitir certidões que se fizerem necessárias para resguardar e prevenir direitos enquanto o sistema continuar com problemas técnicos;

Por orientação da Presidência do Tribunal de Justiça de Pernambuco, idênticas providências deverão ser adotadas, no que couber, pelas demais Diretorias de Foro das Comarcas do Estado de Pernambuco onde tenha havido a ocorrência dos problemas operacionais acima relatados.

Recife, 20 de março de 2009.

HUMBERTO VASCONCELOS JR

DIRETOR DO FORO DO RECIFE




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 23 de março de 2009, 15h50

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 31/03/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.