Consultor Jurídico

Comentários de leitores

10 comentários

O MENINO É AMERICANO

Radar (Bacharel)

O menino Sean NÃO É CIDADÃO BRASILEIRO, MAS SIM AMERICANO. Nasceu nos Estados Unidos, de mãe que não estava a serviço do Brasil, e não foi registrado em consulado. Entrou no Brasil com visto temporário, como turista, com prazo de 30 dias. E aqui permanece de forma irregular, POIS o prazo EXPIROU. Sua situação jurídica, pela não restituição ao país de origem, é de SEQUESTRADO INTERNACIONAL, a teor da Convenção de Haia. A questão deve ser solvida pela justiça do país em que reside seu genitor, que foi alijado do convívio com seu filho. Quanto à AGU, é sua obrigação institucional defender a aplicação das convenções internacionais de que o Brasil é signatário.
Já o advogado brasileiro, é simplesmente o viúvo da mae do garoto. Mas não é seu pai. Esse negócio de paternidade sócio-afetiva é muito bonito em casos de menores abandonados por seus pais biológicos, Mas não quando o pai ama e quer o filho junto a si, depois de ter sido ludibriado pela ex-mulher. A torpeza não deve ser recompensada, em que pese o alto quilate econômico dos eventuais beneficiários.

O Globo começa a recuar

www.eyelegal.tk (Outros)

Video do padrasto que O Globo chamou de "pai adotivo" não pôde ser acessado em 17/03/09 21h00 GMT-3:
"Pai adotivo de Sean quebra o silêncio e contra-ataca"
http://oglobo.globo.com/rio/mat/2009/03/14/padrasto-brasileiro-diz-que-pai-americano-deixou-de-visitar-filho-para-manter-acusaca
Fonte do link:
http://oglobo.globo.com/rio/video/2009/11053/
Resposta ao CONANDA:
http://br.geocities.com/mundorad/resposta/cartaadvdavid.htm

QUEM DESRESPEITA ???

acdinamarco (Advogado Autônomo - Criminal)

Já imaginaram o que a OAB fará quando souber da desobediência ao Provimento 102/2004, do Conselho Federal, pelo Conselho Seccional de São Paulo, liderado por D'Urso e Marcos da Costa, seu fiel escudeiro ???
acdinamarco@aasp.org.br

Ô adv,

www.eyelegal.tk (Outros)

A sua profundidade é realmente impressionante.
Mas permita-me, você não está discutindo argumento nenhum, até porque não tem conhecimento do assunto. O leigo na matéria é você.
Eu não estou distorcendo nada. Todo mundo sabe que o David é o pai do menino. Não fui eu que entreguei a Vale.
Sou muito brasileiro, defendo a nossa autodeterminação e soberania e sobre o território, a Amazônia onde vivi por quase 7 anos e o Judiciário independente, ainda que não tenhamos conquistado o Judiciário que este país merece e precisa.
O que os americanos estão dizendo é que existe uma Convenção que não está sendo cumprida. Ninguém está pressupondo nada. Os fatos são claros. Perderam o prazo para o retorno do menor que entrou e está retido em situação ilegal no Brasil contra a vontade do pai e não tem mãe.
E que história é essa agora que não vão devolver o filho do cara? O Brasil virou uma terra de ninguém onde se tira os filhos das pessoas?
Vamos acabar com essa história.
E olhe o nível...

Ô adv,

www.eyelegal.tk (Outros)

Mais uma vez vc se esconde sob o manto inconstitucional do anonimato.
Não existe nada transitado em julgado. Você simplesmente não sabe do que está falando.
O que Governo está fazendo é apenas cumprir as suas obrigações assumidas através de um tratado internacional em pleno vigor.
Aqui não se trata de América versus Brasil, nem de americano contra brasileiro. São apenas pessoas, pai e filho impedidos de se conhecer e ter convivência familiar.
O David é o pai do garoto, o padrasto não tem nada a ver com a criança.
Não houve nenhum julgamento até hoje sobre o caso que agora está sendo discutido e o primeiro em relação à genitora também não terminou.
Já quanto ao Battisti, realmente, ele não serve para nada. Nem devia ter vindo para o Brasil.
Ele mandou uma carta para o STF confessando que é um assaltente de bancos, segundo ele com o suposto atenuante de que o teria feito movido por seu caráter romântico e idealista. Daí para mais é só um pulinho...

NÓS RESPEITAMOS A JUSTIÇA DE OUTROS PAÍSES?

omartini (Outros - Civil)

Não me permito opinar sobre o caso concreto, com muitos pontos obscuros, para o pouco divulgado na mídia.
Mas o que os americanos não entendem é nosso Estado Democrático de Direito, com uma Justiça tão tardia, com devido processo legal a perder –se de vista...
Pior ainda, a inconsistência do pronunciamento da OAB.
É só reportar-se ao paradigmático caso Battisti – quem exige respeito, não deve respeitar?
Sem patriotadas, por óbvio...

Falsa questão

Armando do Prado (Professor)

A OAB se equivoca, pois não se trata de defender o judiciário nesse caso, mas de defender o legítimo direito de um pai e de uma criança. Vale lembrar: a criança foi raptada, sequestrada e "guardada" pelo padrasto.

Ô adv,

www.eyelegal.tk (Outros)

Primeiro, eu não falo com os espíritos.
Cemece colocando aqui o seu nome e a sua OAB.
Segundo, fiz uma boa amizade com o grupo de NY que dá suporte a David.
Nós combinamos que vamos tomar um scotch quando Sean for para casa.
Falou?
Eu não estou atacando ninguém, estou apenas constatando uma verdade que esse pessoal é muito folgado.
E aí vem um desembargador das profundas dos infernos se meter na sua vida com seus filhos para fazer politicagem no processo.
Se você quiser saber mais, pergunte ao Procurador Geral da República.
Pergunte também ao Desembargador Francisco Sertório Canto do TJPE por que é que faz mais de 3 meses que ele não despacha um pedido de liminar.
Você e outros como você pensam que a cidadania é idiota.
Vamos entregar o filho do rapaz e acabar com essa palhaçada.
Felipe

E o judiciário tem cumprido suas funções?

Armando do Prado (Professor)

Privilegiar uma família de advogados de grife é cumprir suas funções? O pai chama-se David Goldman. A justiça cumpriria sua função se obrigasse o falso pai a devolver a criança que foi sequestrada.

Caro Dr. Cezar Britto,

www.eyelegal.tk (Outros)

V. Sa. estudou o caso profundamente ou está fazendo um pronunciamento xenófobo?
.
O filho deve ser entregue ao pai e não a qualquer estranho. Este é um caso tão simples que está revoltando o mundo inteiro.
.
Já pedimos à Ministra Ellen Gracie quando era Presidente do STF e do CNJ para acabar com essa história de tirar os filhos das pessoas com marmelada na Justiça do Brasil.
.
A OAB também está envolvida nisso?
.
Judiciário independente é Judiciário probo.
.
Com a sua licença, ou V. Sa. pensa que está na Suíça, ou que a sociedade brasileira é totalmente ignorante.
.
Felipe Costa
.
http://eyelegal.orgfree.com/pages/infancia.htm
.

Comentar

Comentários encerrados em 23/03/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.