Consultor Jurídico

Notícias

Pena sob medida

Arquivada reclamação contra punição a promotor

Comentários de leitores

5 comentários

Verdadeira improbidade administrativa

Guto Sampaio (Advogado Sócio de Escritório)

Não é errada a interpretação dos “promotores – anônimos” acima esposada, o Conjur não esmiuçou os fatos na integra, mas isso é a mídia! A mesma mídia que diariamente é por eles utilizada, pena que só saibam apontar os holofotes...
Quanto ao caso em si, a punição aplicada desprestigia o órgão, demonstra sua total falta de coerência na dosimetria da pena. Nos crimes cometidos por agentes públicos, muitas vezes o parquet não prova o dolo mas ainda assim trava uma verdadeira caça às bruxas pleiteando pelas penas mais severas. Quem dera um prefeito ser condenado a pena de suspensão de um dia!!!!

PARCIAL !!

JOHN098 (Arquiteto)

Meu Deus: o Conjur perdeu o juízo. Isso não é uma reportagem, mas uma denúncia! Como assim "não conseguiu punir"? Não é preciso, primeiro, julgar? A gente já tenta "punir" quando abre processo disciplinar?

Parcialidade

Parquet (Promotor de Justiça de 1ª. Instância)

Reportagem parcial e que, portanto, se distancia dos escopos e princípios jornalísticos. Essa, infelizmente, tem sido a praxe do Conjur.

Impunidade

denisrc (Outros)

Um Absurdo!
Está claro que não interessa trazer a luz da verdade tudo o que levantaram sobre este promotor Mendroni.
Parece que se algo envolve a Mídia tudo é avaliado até as últimas conseqüências.
Porém quando isso não traz este foco, deixam de lado.
Eu quero saber o que este cidadão fez com o dinheiro público. Como Promotor da justiça que ele o mínimo que deveria ser feito era de fato exercer a justiça.
Arquivar demonstra claramente o desejo pela desistência deste caso. A falta de interesse pela justiça.
Qualquer profissional que comente algo semelhante é penalizado pela empresa da qual pertence, mas infelizmente casos como este são arquivados, pois não tiveram o interesse de explorar e chegar a verdade diante deste promotor que atualmente está fora do foco da mídia.
Demonstro aqui minha insatisfação deste fato tão lamentável que estamos vendo.

Descaso

jonyzetta (Estagiário - Trabalhista)

Mais uma vez os órgãos corregedores não cumprem seu papel, para punir severamente pessoas que tratam com descaso seu cargo público, que deveria ser usado para benefício da sociedade e não de seu benefício próprio.
É um absurdo saber que punição "justa" é suspender por um dia, alguem que realiza viagem de luxo e glamour, enganando os seus superiores e a sociedade, as custas do nosso dinheiro.
Até quando os órgãos que servem para corrigir e punir, continuarão a ser simplesmente sindicatos de classes?
Triste Brasil.

Comentar

Comentários encerrados em 21/05/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.