Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Nomes e homônimos

Os processos contra os Michael Jackson do Brasil

Por 

Quando Michael Jackson esteve no Brasil em 1993, um carro da segurança que o acompanhava em uma visita a uma fábrica de brinquedos em São Paulo atropelou o adolescente Márcio Alberto de Paula, de 15 anos, e sua irmã Renata Elaine, de 14. O incidente rendeu uma ação de indenização contra o cantor que encontra-se hoje no Superior Tribunal de Justiça à espera de julgamento. 

Mas quem pesquisar a página de acompanhamento processual do STJ, vai encontrar pelo menos uma dezena de processos contra Michael Jackson. Não contra o Rei do Pop, morto nessa quinta-feira, em Los Angeles, mas contra alguns dos milhares de homônimos que, nas mais diversas variações de grafia e de combinação de nomes, se espalham pelo país de Roberto Carlos.

Na lista de Michael Jackson do STJ não poderia faltar um MJ Silva e um MJ Souza, mas tem também Michael Jackson Alves, Barbosa, Muniz e Rocha. Em dois processos, que julgam sentenças estrangeiras de divórcio, os MJ são, evidentemente, americanos. Ao contrário do original, que tinha um Joseph entre seus dois nomes principais, seus conterrâneos assinam Keith e Anthony em seu middle name.

A medir pela quantidade de homônimos que produziu no país, o prestígio do original era realmente avassalador no Brasil. Outra pesquisa, desta vez no Google, revela a existência de 396 MJ dos Santos, 270 MJ Silva e 141 MJ Souza, só 5 Oliveira, 4 Cardoso e 1 Ribeiro.

MJ fez, entre outros prodígios, o milagre fonético de transformar Michael em “Maicon” nos cartórios tunpiniquins. O mesmo Google revela a mera existência de 1.390 Maicon Jackson e outros inacreditáveis 146 Maicon Jequisson. Entre os Maicon mais famosos está o lateral direito da seleção de futebol do Dunga. Nesse caso deve-se pedir a devida vênia ao Rei do Pop. O nome enviesado é homenageado por outro astro americano, esse do cinema: o nome completo do jogador é Maicon Douglas Sisenando, à imagem e semelhança do astro do filme Instinto Selvagem. A seleção de futebol feminina também rendeu homenagem ao ídolo da música: uma das pioneiras do esporte no país também era Michael Jackson. Mas nesse caso era só um apelido. Ela atendia originalmente por Marileia.

 é diretor de redação da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 26 de junho de 2009, 22h46

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/07/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.