Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Errata

Números do CNMP são diferentes do que foi publicado

Por 

O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e a revista Consultor Jurídico erraram. Na reportagem intitulada CNMP aplicou punição disciplinar para sete promotores (clique aqui para ler), publicada no dia 14 de julho, a ConJur informou que o CNMP julgou 469 processos desde 2005. O órgão julgou, na verdade, 3.264 casos nesse período. Foram autuados 3.759 processos no CNMP.

No entanto, o Conselho, que não tem um sistema de estatísticas, errou e enviou à revista informações equivocadas. A primeira tabela — errada — e a segunda versão podem ser conferidas aqui e aqui.

Segundo a assessoria de imprensa do CNMP, o número de condenações publicado pela ConJur está correto. Desde 2005, o CNMP condenou sete vezes em casos de natureza disciplinar e 93 nos procedimentos administrativos.

No texto, a ConJur contou que uma das justificativas do CNMP para a produtividade do órgão é a falta de estrutura, se comparado com o Conselho Nacional de Justiça. De acordo com o texto, o orçamento do CNJ é três vezes maior que o do CNMP — R$ 30 milhões e R$ 10 milhões. Neste caso, a ConJur errou. O orçamento do CNJ é de R$ 122 milhões, ou seja, 12 vezes maior que o do CNMP.

Este erro, contudo, não prejudica o texto. A reportagem explicava que os problemas do Conselho do MP decorrem em parte de seu baixo orçamento. Ou seja, o valor do orçamento do CNJ serve apenas a título de comparação. Afinal, tanto faz para as dificuldades do CNMP qual é o orçamento do CNJ, seja ele três ou 12 vezes maior.

 é repórter da Consultor Jurídico em Brasília.

Revista Consultor Jurídico, 17 de julho de 2009, 5h24

Comentários de leitores

4 comentários

MAU GOSTO

M.P. (Promotor de Justiça de 1ª. Instância)

"tanto faz para as dificuldades do CNMP qual é o orçamento do CNJ, seja ele três ou 12 vezes maior".
Só mesmo para o CONJUR tanto faz! Vcs são uma PIADA -MAS DE MUITO MAU GOSTO!!!

CONJUR ERRA DE NOVO....NORMAL...

LuísADV (Advogado Associado a Escritório - Administrativa)

O CONJUR errou de novo e como sempre contra o MP, é engraçado né. Primeiro fez uma matéria sensacionalista criticando o CNMP e depois coloca uma errata no final da página....
Esse site é tendensioso, prejudica o cidadão e protege mercenários e bandidos, mostrando decisões que vão de encontro a realidade da sociedade brasileira.

Resumindo

olhovivo (Outros)

O CNMP não soube informar mesmo os seus dados. Belo controlador, hein?

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 25/07/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.