Consultor Jurídico

Comentários de leitores

6 comentários

Parabéns min. Marco Aurélio. Prerrogativa é par...

Republicano (Professor)

Parabéns min. Marco Aurélio. Prerrogativa é para ser repeitada, é o preço que se paga por viver em Estado de Direito.

Prezado ANTONIEL, felizmente nos estamos no pi...

AldoBrandao (Bacharel)

Prezado ANTONIEL, felizmente nos estamos no pior sistema de governo, que é o Estado Democrático de Direito, contudo, não tem outro melhor e você pode escrever o que quiser.

Eu assisti a esse julgamento do STF. O mais sen...

Ivan G. Pirajá Martins (Advogado Autônomo)

Eu assisti a esse julgamento do STF. O mais sensato, que infelizmente foi voto vencido, foi o Min Marco Aurélio (como sempre). O min.Felix Fischer, conforme demonstrado pelo advogado, fez um "despachO" pasmem, autorizando sem fundamentação a quebra de sigilo fiscal e telefônico do magistrado investigado, sem nenhum argumentação. Boa hora em que se tomam medidas mais restritivas a grampos e demais meios ilegais de investigação. Só que nesse caso, os ministros não foram felizes no julgamento.

Acusação de "proximidade" com outro colega? Par...

olhovivo (Outros)

Acusação de "proximidade" com outro colega? Parece que essa é a mais nova variante da genérica imputação de "ligações", "conexões", que tanto abundam nas inépcias.

JORNALISMO JURÍDICO É isso que é jornalismo?...

ANTONIEL (Estudante de Direito)

JORNALISMO JURÍDICO É isso que é jornalismo? no Brasil, sim, e Jornalismo Jurídico? também, só no Brasil, a eterna República das Bananas! Matéria nitidamente tendeciosa, para não dizer outra coisa!

Que primor de jornalismo! Veja a frase final da...

Observadora da imprensa (Jornalista)

Que primor de jornalismo! Veja a frase final da reportagem: "Mas nenhuma prova foi apresentada". Isso é que é conhecimento de causa. Realmente o Min. do STJ deve ter concedido as medidas sem qualquer prova. E porque a matéria só destaca os comentários do Min. Gilmar Mendes, não traçando uma linha sequer sobre o entendimento dos outros ministros, especialmente do voto vencido?

Comentar

Comentários encerrados em 3/10/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.