Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Câmbio paralelo

PF investiga doleiros que negociam dólar sem autorização

A Superintendência da Polícia Federal no Rio Grande do Norte, em conjunto com a Receita Federal, deflagrou, nesta quarta-feira (29/10), a operação Escambo. O objetivo foi desarticular uma suposta organização criminosa, acusada de praticar crimes contra o Sistema Financeiro Nacional.

De acordo com agentes da PF, há mais de um ano a Receita Federal e a Polícia investigam um grupo organizado de doleiros, do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Norte, cuja atividade era voltada para a prática de câmbio clandestino de moedas.

A PF também informa que havia uma estrutura empresarial criada para lavagem de dinheiro, “sendo resultado lógico de tais atividades a supressão do pagamento de tributos devidos ao fisco”. Foi possível detectar também a participação de agentes públicos.

Ao total, 137 policiais federais e 23 auditores fiscais cumpriram 26 mandados de busca e apreensão na grande Natal, três em Belo Horizonte e três no Rio de Janeiro.

Revista Consultor Jurídico, 29 de outubro de 2008, 20h02

Comentários de leitores

2 comentários

E a "operação...(?)" para prender aloprados, cu...

olhovivo (Outros)

E a "operação...(?)" para prender aloprados, cuequeiros, propineiros da Telecom Itália etc, quando é que sai?

...dá-lhe PF! os amigos do ilícito tremem ao se...

Robespierre (Outros)

...dá-lhe PF! os amigos do ilícito tremem ao seu nome!

Comentários encerrados em 06/11/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.