Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Compra de votos

Em Mato Grosso, candidatos não podem sacar mais de R$ 5 mil

Em Mato Grosso, candidatos representantes de partidos políticos e coligações, e colaboradores de campanha eleitoral estão proibidos de sacar valores acima de R$ 5 mil. O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso baixou a Resolução 604/2008, depois de receber denúncias de compra de votos.

A resolução vale até o dia do segundo turno da eleição, no domingo (26/10). A proibição vale para todas as cidades do Mato Grosso.

Revista Consultor Jurídico, 25 de outubro de 2008, 12h59

Comentários de leitores

1 comentário

A institucionalidade, ilegalidade e arbitraried...

A.G. Moreira (Consultor)

A institucionalidade, ilegalidade e arbitrariedade do judiciário facilita o crime elitoral ! ! !

Comentários encerrados em 02/11/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.