Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Voto sem registro

Máquinas fotográficas estão proibidas na cabine de votação

Os eleitores não poderão entrar na cabine de votação com celulares, máquinas fotográficas e filmadoras. Os equipamentos devem ser depositados em uma bandeja na sessão eleitoral. A decisão dos ministros do Tribunal Superior Eleitoral, tomada na sessão desta quarta-feira (1/10), quer impedir que os eleitores registrem os votos por ameaça.

A decisão altera a Resolução 22.712, que já proibia o uso de aparelhos de radiocomunicação nas cabines de votação. Ela também autoriza a instalação de detectores de metais nas seções onde houver indícios de coação de eleitores. Esta decisão caberá aos Tribunais Regionais Eleitorais, assim como os custos das novas medidas.

“Esta providência concretiza a vontade da Constituição, que é de assegurar o sigilo e o segredo do voto, e deixar o eleitor inteiramente livre para decidir de acordo com a sua consciência”, disse o presidente do TSE, Carlos Britto. Ele se refere às denúncias de que milícias e candidatos estariam coagindo eleitores, sobretudo no Rio de Janeiro.

“Não faz sentido entrar com máquina fotográfica, a não ser que seja para fotografar o voto”, reforçou o ministro Marcelo Ribeiro.

Revista Consultor Jurídico, 2 de outubro de 2008, 0h00

Comentários de leitores

4 comentários

Em tempo: Quando fui mesario, e haviam pouco...

Luiz P. Carlos (((ô''ô))) (Comerciante)

Em tempo: Quando fui mesario, e haviam poucos celulares com camera, la no CONDOCURRAL da Barra da Tijuca, ha época o candidato CESAR MAIA e sua trupe, quase todos nossos vizinhos e residente na localidade, começou a visitar as seções de votação, 3 seções, quando chegou na minha, como fez nas demais, começou a comprimentar a todos e fazer seus comentarios, para seu azar me levatrei e expulsei o cara da area. Bem verdade que no ano seguinte não fui mais requisitado. Graças a Deus !

O remediado acaba por morrer do proprio remédio...

Luiz P. Carlos (((ô''ô))) (Comerciante)

O remediado acaba por morrer do proprio remédio. Como sabemos a coisa que traficante, politico corrupto, e especies do genero mais odeiam é a camera de filmar e ou de fotografar. A mais não haveria possibilidade temporal para que ocorresse esse dominio no ato do voto, e ainda que houvesse, teria o trafico que colocar um mesario terceirizado para conferir as maquininhas. Por outro lado, as cameras nas mão do BEM, iriam flagrar bocas de urna, e outras irregularidades, vamos dizer do crime light, dos mesarios, cabos eleitorais, futucação nas urnas e até mesmo estariam filmando a presença do traficante nas proximidades com fez Dona Aparecida da janela de seu apartamento. Que por sinal esta DESAPARECIDA. Portanto, me parece que o medo não é do traficante e sim do Ilustre e PODRE PODER JUDICIARIO.

Com o devido respeito que o Dr.Vianna ...

hammer eduardo (Consultor)

Com o devido respeito que o Dr.Vianna merece na sua presunção de boa fé, acho que o Senhor não mora no Rio de Janeiro. Suas afirmações são bem transparentes porem esbarram na dura realidade Carioca em que medidas extremas porem muito necessarias como essa do TSE se tornam necessarias SIM em vista do indiscutivel espaço tomado pelo trafico em vista da historica omissão/conivencia mediante suborno por parte do poder publico. A atual situação do Rio de Janeiro fatalmente desagua na triste realidade de que ja estamos em guerra civil a um bom tempo , os des-governantes de plantão continuam fingindo que "esta tudo sob controle" o que a População minimamente consciente sabe que é uma deslavada mentira. A atual "ocupação branca" de parte da Cidade por soldados das Forças mal-armadas tambem é um sinal indiscutivel da total e espetacular FALENCIA da politica de in-segurança do simpatico porem ineficiente Governador Sergio Cabral. O trafico JA TOMOU espaços pra la de preocupantes e ameaça SIM os mais humildes nas areas carentes onde MANDAM SIM e com mão de ferro. Levando-se em conta que hoje em dia qualquer um tem esses telefones que tiram fotos , a medida do TSE é profilatica e bem vinda porem fica esmaecida em confronto com a triste realidade dos feudos comandados a ferro e fogo com o auxilio de armas automaticas de fazerem inveja aos soldados americanos no Afeganistão. Esta infelizmente é a dura realidade. Cordiais saudações ao Dr.Vianna.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 10/10/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.