Consultor Jurídico

Notícias

Concorrência bancária

Cade reclama competência para analisar fusões de bancos

Comentários de leitores

5 comentários

www.contenciosonet.blogspot.com

Ermiro Neto (Estagiário)

www.contenciosonet.blogspot.com

Habib Tamer Badião Goataria de ter argume...

B M (Advogado Autônomo - Civil)

Habib Tamer Badião Goataria de ter argumentos consistentes para discordar de seus comentários, porquanto não os tenho, os bancos tem boa parte do Congresso nas mãos. O CADE que se cuide.

Parabenizo o leitor Marco Aurélio Gomes Cunha p...

Habib Tamer Badião (Professor Universitário)

Parabenizo o leitor Marco Aurélio Gomes Cunha pela opinião abalizada, mas acho que não vai vingar, vez que o tal " risco sistêmico" é algo muito abrangente e vai até exercer a salvadora função de extinguir o CADE!!! O Bacen não acha que manda no Brasil ele manda de verdade e ninguém tem mais poder que o Bacen, nem mesmo o Congresso Nacional!

Acorda CADE!!! Sua competencia vai até onde ati...

Habib Tamer Badião (Professor Universitário)

Acorda CADE!!! Sua competencia vai até onde atinge os interesses da elite dominante, ou seja, vc bateu na AMBEV, na KOLYNOS e outras tantas, mas, agora indo muito longe para meter os bedelhos em quem manda no país: BANCOS! Vocês estão malucos e nunca vão conseguir e eles, boncos, quase convencenceram o judiciário que eles são Deuses´e que o Código do Consumidor não lhes aplica, pois quando o clinte entra numa agencia bancária está no LIMBO e nunca numa empresa! Tá lendo isto senhores membros do CADE...fusão de banco é relação intima do dono do país com as suas emposas é coisa do Harém e ninguém mete o bedelho...Manda quem pode e obedece quem tem juízo!!! Se voces, CADE, insistirem serão dissolvidos logo logo logo!!!

É óbvio que há competência do CADE. O Banco Cen...

Marco Aurélio Gomes Cunha (Outros)

É óbvio que há competência do CADE. O Banco Central pode até analisar em termos de "risco sistêmico" e etc, mas nada na lei retira a competência do CADE em termos de análise da concorrência.

Comentar

Comentários encerrados em 22/11/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.