Consultor Jurídico

Comentários de leitores

7 comentários

Não conheço o Procurador Geral da República que...

Siqueira (Consultor)

Não conheço o Procurador Geral da República que fez a afirmação a respeito da importação do "lixo"; que é realmente um absurdo. Uma coisa muito diferente, entretanto, é a utilização de pneus usados em condições de ser Remoldado (não é uma simples reforma ou remendo). Há diferenças grandes a serem ponderdas. Com base nessa decisão o Brasil passará a importar pneus remoldados de outros países, já que a empresa brasileira que produzia pneus remoldados fechou sua indústria no Paraná. O interessante é que os países que estão convidando a empresa para se instalar em seu território garantem que o principal consumidor será o Brasil. Procuro acreditar que para expressar sua declaração o Procurador deva ter se baseado em informações limitadas, sem o necessário aprofundamento na matéria, que lhe daria a extensão do conhecimento necessário para uma avaliação mais adequada sobre o que - de fato - é "proteger o meio-ambiente e a proteção à saúde". Infelizmente, num momento de tanta informação disponível há uma "limitação" na avaliação real da mesma.

Em muitos casos, é "pura ignorância" , como se ...

A.G. Moreira (Consultor)

Em muitos casos, é "pura ignorância" , como se pode ver ! ! !

erro de digitação: onde se lê é despejados o ce...

Sargento Brasil (Policial Militar)

erro de digitação: onde se lê é despejados o certo é DESPEJADO e sem nenhum tramanto o certo é TRATAMENTO.

Na ADPF, o presidente da República, Luiz Inácio...

Sargento Brasil (Policial Militar)

Na ADPF, o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, pede que o Supremo Tribunal Federal casse as decisões judiciais que permitem a importação e confirme as restrições feitas pelo governo. O caso está em julgamento no Supremo Tribunal Federal e a ministra Cármem Lúcia é a relatora. Copiei a mensagem para que fique claro a posição do Sr. Presidente da Republica, pois, tem pessoas nem leem e ja criticam. Nãosei quem teve a idéia dessa importação, se é que podemos chamar de importação, ou mais propriamente remessa de lixo, por não terem onde jogá-lo e o Brasil não é vaso sanitário de país nenhum. Já chega o lixo que produzimos e em muitos lugares é despejados aleatóriamente sem nenhum tramanto. Só espero que o STF como disse o presidente, realmente proíba esse absurdo.

Se esse caso, passar pelo STF, todos nós que us...

Paulinho (Outros)

Se esse caso, passar pelo STF, todos nós que usufruimos dos meios jurídicos podemos desistir de um país mais justo, onde iremos presenciar os amigos intimos do PT sendo beneficiado mais uma vez.

Quando as "reiteradas" manifestações de ignorân...

A.G. Moreira (Consultor)

Quando as "reiteradas" manifestações de ignorância se multiplicam, é motivo, justo, para acreditar em "má fé" ! ! !

Coisas de 3º Mundo: Comprar Pneu usado! Compra...

Quintela (Engenheiro)

Coisas de 3º Mundo: Comprar Pneu usado! Comprar lixo dos países desenvolvidos! O que a Europa e Japão jogarem no LIXO, pode mandar pro Brasil que o Estado de Direito garante aos comerciantes inescrupulosos o direito de comercializar o lixo vindo do 1º mundo! A Policia Federal, através da Operação Lixão, constatou que as importadoras não davam nenhum tratamento ao LIXO vindo do exterior, como eles haviam se comprometido nas decisões judiciais. Ou seja, o único argumento(?) (geração de emprego?!?!?!?) não estava sendo cumprido! Prevalecia a ganância e a falta de escrúpulos dos comerciantes que através de decisões judiciais compravam e revendiam o lixo importado! Coisa de país subdesenvolvido! Se for para gerar empregos vamos legalizar as drogas. O governo faturaria horrores de dinheiros e ainda ia se livrar dos traficantes, PCC, Comando Vermelho...

Comentar

Comentários encerrados em 19/11/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.