Consultor Jurídico

Notícias

Fé cega

Justiça nega que tenha feito intimação a Kaká na Itália

Comentários de leitores

18 comentários

Realmente, caso de polícia. Mas, segundo a Conj...

Sandra Paulino (Advogado Autônomo)

Realmente, caso de polícia. Mas, segundo a Conjur de 5/12, ainda está com o MP: http://www.conjur.com.br/static/text/72374,1 Conselho Superior do Ministério Público vai decidir se abre ou não uma ação de improbidade administrativa contra o promotor criminal Marcelo Mendroni. Por enquanto, há três votos a favor da abertura da ação. Apenas o procurador-geral, Fernando Grella, decidiu pelo arquivamento do caso. Ao todo, dez votos serão proferidos. Tudo começou porque o promotor foi liberado para fazer uma pós-graduação, na Itália, mas desistiu posteriormente sem avisar seus superiores e ficou naquele país. Ele havia pedido seis meses de licença remunerada para fazer pós-doutorado na Universidade de Bologna. O Conselho Superior do Ministério Público aprovou o pedido. Quando chegou lá, desistiu de se matricular porque o curso inteiro só acabaria em 14 meses e ele só tinha seis meses para estudar. Ninguém foi informado da sua decisão e, assim, continuou recebendo o seu salário de R$ 22 mil. Quando voltou da Itália, Mendroni apresentou um relatório que foi considerado insuficiente pelo Conselho. Ele participou como ouvinte de algumas aulas do curso, viu palestras, seminários e fez muitas pesquisas. O objetivo, na verdade, era escrever um livro que pretende publicar em breve. E, como temos direito à informação, já que a imprensa não fala mais no caso desde maio, alguém sabe como andam as investigações, no MP, sobre o envolvimento com lavagem de dinheiro, do promotor de justiça de Taubaté, LUIZ MARCELO NEGRINI DE OLIVEIRA MATTOS? Aquele que tinha 14 carros em seu nome, comprados de um sujeito, que ele assume ser seu amigo e de vários juízes e promotores da comarca e que era investigado pela polícia em Taboão da Serra?

Este promotor num fala nada com nada, é um ment...

CAPA (Corretor de Imóveis)

Este promotor num fala nada com nada, é um mentiroso

QUER DIZER QUE A CASA DO PROMOTOR ESTÁ CAINDO. ...

Renato (Contabilista)

QUER DIZER QUE A CASA DO PROMOTOR ESTÁ CAINDO. SERÁ QUE A REVISTA CARTA CAPITAL DIVIDIU OS LUCROS DAS REVISTAS VENDIDAS COM O PROMOTOR? TUDO ISSO É UMA POUCA VERGONHA. ESSE PROMOTOR DEVIA SUMIR LOGO DO BRASIL PORQUE AQUI JÁ NÃO TEM MAIS CREDIBILIDADE ALGUMA. PROMOTOR, ADMITA, VOCÊ MEXEU COM O POVO ERRADO. A JUSTIÇA DE DEUS ESTÁ SE MANIFESTANDO NA SUA VIDA E TAMBÉMNOS ÓRGÃOS DESSA IMPRENSA PODRE QUE TEM NO BRASIL. AGORA É MAIS UMA REVISTA QUE JAMAIS VOU COMPRAR E QUE VOU INDICAR A TODOS CONHECIDOS QUE TAMBÉM NÃO ADQUIRAM, ASSIM COMO OUTRAS QUE NÃO TEM A MÍNIMA CREDIBILIDADE.E SÓ PRA COMPLEMENTAR, A REDE GLOBO ESTÁ AFUNDANDO. CAIU, A BABILÔNIA CAIU!!!!!!!!!!!!! DEUS É FIEL

Ora, ora, a coisa se transforma em caso de Polí...

acdinamarco (Advogado Autônomo - Criminal)

Ora, ora, a coisa se transforma em caso de Polícia. Promotor fazendo coisas fora do Judiciário, depois negando e imprensa publicando : legítimo "saco-de-gatos". Prezado Presidente D'Urso : vamos apurar como se deve ??? acdinamarco@aasp.org.br

Estamos cercados de um noticiário tendencioso, ...

denisrc (Outros)

Estamos cercados de um noticiário tendencioso, mentiroso, mas ainda acredito na Justiça Brasileira que tratará este assunto com seriedade, provando a mentira da reportagem Carta Capital. A utilização de documentos falso por parte da revista não é de surpreender. Pois todos se lembram da ação de uma famosa emissora de TV na Campanha do Ex-presidente Fernando Collor de Melo. A Justiça brasileira com este episódio colocará um fim nas manobras abusivas destas revistas. Parabéns pela matéria contra essa babariedade, essa perseguição religiosa em nosso país para vendas de exemplares. Abs.

É impressionante a rabujice de alguns jornalist...

Issami (Advogado da União)

É impressionante a rabujice de alguns jornalistas contra o Kaká, pelo simples fato de o mesmo ser exatamente o contrário daquilo que se espera de alguém rico, bonito e famoso. Como ele não é devasso (é fiel, tendo inclusive casado virgem), não cria escândalos, não se envolve com drogas, mulheres famosas, badalações etc. (na verdade, ele despreza tudo isso, demonstrando uma maturidade impressionante para quem tem a sua idade e a sua posição social-financeira - e isso deve irritar ainda mais alguns), tentam pegar no pé do rapaz por causa da sua fé. Como pode uma profissional do jornalismo dar à reporagem esse título "FÉ CEGA", insinuação que viola uma regra básica do jornalismo, de respeito a todas as crenças (e o pior é que o texto nada tem a ver com fé). Juca Kfouri é outro que, a julgar pela defesa que faz do promotor que quer investigar o atleta, provavelmente preferia um Kaká rebelde, traçador de todas as beldades que lhe atravessasem o caminho, causador de escândalos - a um dizimista da Igreja Renascer. É difícil para estas pessoas entenderem ser possível, a pobres ou ricos, ter uma vida de retidão e sinceridade perante Deus. Kaká poderia ter tudo isso o que estes imaginam ser a "felicidade" desta vida. Pela Graça de Deus, porém, Ele escolheu a melhor parte. PS: Não sou da Renascer e, apesar de evangélico, não compartilho de boa parte de seus métodos e doutrinas.

Realmente, D. Procurador, pode ter acontecido ...

Renério (Advogado Sócio de Escritório)

Realmente, D. Procurador, pode ter acontecido do Promotor ter "deferido" a oitiva do Kaká. Tanto que, a reportagem chama o D. Promotor "por engano?" de Juiz. "No site da CartaCapital, o repórter disse que seu único engano foi atribuir o cargo de juiz ao promotor Marcelo Mendroni." A discussão é a veracidade ou não do documento, não sua forma. Eis que, se verdadeiro for e o processo tem segredo de justiça decretada, como fica? Abs.

Do texto da matéria se recolhe a seguinte infor...

Vladimir Aras (Procurador da República de 1ª. Instância)

Do texto da matéria se recolhe a seguinte informação - "Em seu site, a revista também publicou: “CartaCapital faz questão de acentuar que o promotor, embora não desminta a autenticidade do documento publicado há duas semanas, não foi fonte da revista, não procurou a imprensa e não deu entrevistas sobre o assunto a quem quer que seja." Assim, parece que a confusção instalada deriva de mero desconhecimento a respeito de modalidades de assistência judiciária internacional. Pelo que se noticia, o referido promotor teria pedido informações ou auxílio à Justiça italiana, pela via apropriada, isto é, o DRCI, que é a autoridade central brasileira para fins de cooperação. Nisso, não há qualquer irregularidade. Se a diligência será cumprida ou não, isto já é outro problema.

Que lambança, hein sr. Promotor.... O Conselho ...

Radar (Bacharel)

Que lambança, hein sr. Promotor.... O Conselho Nacional o Ministério Público deve fazer valer sua função institucional.

São declarações como essa ( além dos dizimistas...

A.G. Moreira (Consultor)

São declarações como essa ( além dos dizimistas, do nível do Kaká e outras celebridades ) , que deixam a "renascer" mais rica ! ! ! O Dr. D'Urso não quer saber quem vai pagar. - Para ele, tanto faz que seja o promotor ou a "revista" ! ! !

Com esta discussão, é deixado de lado o ponto c...

MUDABRASIL (Outros)

Com esta discussão, é deixado de lado o ponto central do processo: o enriquecimento rápido, vertiginoso e sem explicação, da FORTUNA (maiúscula) daqueles que vivem às custas dos fiéis. E os réus, presos nos EUA torcem para que a imprensa fique falando do KAKÁ.

Por que tanto espanto? Essa é só uma das infind...

Francisco Lobo da Costa Ruiz - advocacia criminal (Advogado Autônomo - Criminal)

Por que tanto espanto? Essa é só uma das infindáveis sacanagenzinhas que fazem por aí. É o MP do próximo milênio. Punição? Quê nada, esses é que são bons!

Será que a verdadeira intenção do Sr. Promotor ...

Ju (Advogado Assalariado)

Será que a verdadeira intenção do Sr. Promotor era mais uma vez passear pela Itália às custas do MP, como já o fez em outra oportunidade.

Vixe ... agora quero ver explicar que "fucinho ...

dalves (Outros)

Vixe ... agora quero ver explicar que "fucinho de porco não é tomada"

Ihhhhhhhhhhhhh.... era só brincadeirinha ?? ...

Renério (Advogado Sócio de Escritório)

Ihhhhhhhhhhhhh.... era só brincadeirinha ?? Deixando a chacota de lado, aos criminalistas, teria ele também feito uso e divulgação de falsicação de documento público? Acredito que teremos novidades sobre o assunto. Abs.

Nossa, é mentira para encobrir mentira, que bag...

Pires (Advogado Associado a Escritório)

Nossa, é mentira para encobrir mentira, que bagunça faz este promotor. Viaja para Itália a custa dos cofres públicos, persegue gente de projeção midiática para obter notoriedade, convoca coletiva de imprensa para falar de processos em segredo de justiça e agora afirma não ter enviado documento fornecido a mídia que somente ele poderia ter assinado? E o conselho do MP não faz nada. É o pais da pizza e ela esta se espalhando para o Ministério Publico.

onde está o nosso conselho do ministério public...

jonyzetta (Estagiário - Trabalhista)

onde está o nosso conselho do ministério publico ? não se manifestará sobre nada disso ? é um absurdo! promotor mentindo ? coisa bonita ein Sr. Mendroni !

Que figurinha carimbada, esse Kaká!

Armando do Prado (Professor)

Que figurinha carimbada, esse Kaká!

Comentar

Comentários encerrados em 15/03/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.