Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Operação Lactose

PF deflagra ação contra acusados de adulterar leite em pó

A Polícia Federal na Paraíba e o Ministério da Agricultura deflagraram nesta quinta-feira (15/5) a Operação Lactose, que investiga adulteração de leite em pó, falsificação de notas fiscais, sonegação de impostos e corrupção.

Segundo a PF, as investigações duraram um ano. Foram requisitados pela Polícia e expedidos pela Justiça Federal da Paraíba sete mandados de prisão preventiva, um mandado de prisão temporária e 14 mandados de busca e apreensão, cumpridos nos estados da Paraíba, Pernambuco, Bahia, Ceará e Santa Catarina.

De acordo com a PF, “com o objetivo de ter o leite adulterado aprovado pelo Ministério da Agricultura e continuar com o esquema criminoso, alguns funcionários do Laboratório Oficial do Ministério da Agricultura em Pernambuco, Lanagro, eram corrompidos para trocar as amostras de leite adulterado colhidas pela fiscalização na empresa criminosa ou nos produtos desta, no mercado varejista, por material de boa qualidade”.

Os acusados podem responder por crimes contra a saúde pública, estelionato, formação de quadrilha, uso de documentos falsos e corrupção passiva e ativa.

Revista Consultor Jurídico, 15 de maio de 2008, 13h27

Comentários de leitores

1 comentário

Já faz anos que um ex-empregado de uma Usina de...

EDSON CONTEC (Auditor Fiscal)

Já faz anos que um ex-empregado de uma Usina de Beneficiamento de Leite informou que quando for comprar leite embalado em caixinhas, tem que verificar qual o numero que costa na parte de baixo da caixa, se for o nº. 1 é leite novo, se for de 2 a 5 é leite re-beneficiado e trocado a embalagem, o famoso batizado com soda cáustica(o).

Comentários encerrados em 23/05/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.