Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Mercado Jurídico

Mercado Jurídico: Escritório cria núcleo só para empresa familiar

Por 

Dados do IBGE revelam que 50% do PIB brasileiro estão concentrados em empresas familiares. No entanto, de cada 100 empresas, apenas 30 chegam à segunda geração e somente cinco à terceira. De olho nesses números, o escritório José Oswaldo Corrêa e a Consultoria de Impacto Gestão & Marketing se uniram para criar o Núcleo de Orientação para Empresa Familiar.

Sob a coordenação de José Renato Miranda, o Núcleo vai oferecer consultoria a empresas e instituições preocupadas com conflitos internos envolvendo familiares e futuros sucessores. Segundo ele, grandes corporações como Fiat, Ambev, Scania, Ajinomoto e Basf, exigem que fornecedores e distribuidores tenham políticas de gestão familiar bem definidas. No dia 28 de junho, Miranda faz palestra para discutir a questão, no auditório do escritório, no Centro do Rio de Janeiro. Informações pelo telefone (21) 2123-8004 ou pelo site do núcleo.

Fermento na banca

O Felsberg, Pedretti, Mannrich e Aidar Advogados quer crescer. Neste mês, associou-se ao Moraes Bueno de Aguiar Advogados Associados, especializado na área empresarial trabalhista, na região de Campinas, em São Paulo. Com isso, o Felsberg passa a contar com novos sete profissionais e cinco estagiários. O movimento de expansão não deve parar por aí.

Direitos Humanos

O Código de Direito Internacional dos Direitos Humanos Anotado é o mais novo lançamento da DPJ Editora. Inédita, a obra escrita por 13 especialistas no Brasil e no exterior, coordenada pela professora e procuradora de São Paulo Flávia Piovesan.

O Código é dividido em seis eixos temáticos, com ênfase ao sistema global de proteção fomentado pela ONU e de seus principais tratados de direitos humanos. Em cada um deles, são apresentadas recomendações gerais emitidas pelos diversos comitês da ONU, na qualidade de órgãos de monitoramento dos direitos previstos nos tratados.

Mediação de Conflitos

A rede de escritórios Lexnet convidou a desembargadora Maria Cristina Zucchi para falar sobre a importância da mediação e explicar como esse mecanismo de resolução de conflitos pode ser usado em segunda instância. A palestra está mercada para o dia 16 de maio (sexta-feira), das 17h às 19h, no auditório da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, em São Paulo.

Este encontro faz parte do projeto “Mediação na Lexnet”, coordenado pela advogada Chyntia Barcellos. Mais informações e inscrições podem ser obtidos pelos telefones: (11) 3141-1717 ou (11) 3285-3493.

Horas vagas

A Caixa de Assistência dos Advogados do Rio Grande do Sul vai montar um coral. Está a procura de advogados que gostem de música e que tenham duas horas por semana para se dedicar aos estudos musicais, com a regente Iovana Scaravelli. Não é preciso ter experiência ou conhecimentos musicais. As inscrições, limitadas, podem ser feitas pelo telefone (51) 3287-7498.

Pelas sociedades

*** Uma discussão sobre a Nota Fiscal Eletrônica abre o III Seminário de Direito Empresarial e Tributário, na próxima quinta-feira (15/5), em Caxias do Sul (RS). O tributarista Mário Monegatti, do escritório Edgard Leite Advogados Associados, foi o escolhido para falar sobre a novidade, que ainda gera muitas dúvidas entre os profissionais da área. Mais informações sobre o seminário podem ser encontradas no site da ProJuris Eventos.

*** Com o apoio do escritório Homero Costa Advogados, o curta-metragem “Os filmes que não fiz” recebeu duas premiações no Festival de Cinema de Recife. O troféu de melhor filme foi recebido pelo diretor Gilberto Scarpa e o de melhor direção de arte por Alonso Pafyeze. O curta-metragem mostra de forma divertida, a filmografia de um diretor desconhecido que possui muitos projetos.

*** As advogadas Priscila de Almeida Meyer e Alexandra Castro Conceição são as novas integrantes da equipe de Direito do Consumidor do escritório Pires & Gonçalves Advogados Associados. Além disso, as ex-estagiárias Juliana Mangini Migliano e Viviana Mendes Ribeiro, aprovadas no último Exame de Ordem, foram promovidas a advogadas associadas da banca.

 é repórter da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 8 de maio de 2008, 0h00

Comentários de leitores

3 comentários

Só por curiosidade: isso é matéria paga?

Telma (Advogado Sócio de Escritório)

Só por curiosidade: isso é matéria paga?

Uma outra pergunta: Não tem coisa mais import...

Leitor1 (Outros)

Uma outra pergunta: Não tem coisa mais importante para proibir?

Uma pergunta: O Tribunal de Ética da OAB/SP nã...

Arqueiro (Outro)

Uma pergunta: O Tribunal de Ética da OAB/SP não proibi uso da letra "&" nas Sociedades de Advogados?

Comentários encerrados em 16/05/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.