Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Garantia da ordem

Decretada prisão de suspeitos de crimes sexuais contra menores

O juiz Léo Antônio Fachin, titular da Vara Única do Juízo Militar de Rondônia, decretou a prisão preventiva de três policiais. Os policiais militares Gerson de Macedo Araújo, Adriano Flores e Dário de Souza Matos, lotados no distrito de Nova Califórnia (RO), são suspeitos de cometer crimes sexuais envolvendo adolescentes. O fundamento do juiz foi o de que há indícios de que eles estão pressionando as vítimas.

Na decisão, o juiz embasou o pedido nas informações do Inquérito Policial Militar (IPM). Segundo o Inquérito, os representados estão exercendo pressão junto às vítimas e demais policiais para que alterassem as verdades dos fatos, promovendo ameaças e pressões psicológicas.

O juiz sustenta em sua decisão que a prisão se justifica pela garantia da ordem pública, por conveniência da instrução criminal e, diante da pressão exercida sobre as testemunhas e a revelação da periculosidade dos acusados, conforme disposto nos artigos 254 e 255 do Código de Processo Penal Militar.

Os policiais já estão no Centro de Correição da Polícia Militar, em Porto Velho.

Revista Consultor Jurídico, 28 de junho de 2008, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 06/07/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.