Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Causa própria

Rio de Janeiro tem o vereador mais caro do Brasil

Com custo anual de R$ 6 milhões, o vereador mais caro das 26 capitais do país é o do Rio de Janeiro, que também tem o maior salário: R$ 9,4 mil mensais. A Câmara Municipal carioca tem 51 integrantes, e aprovou recentemente um aumento de 7% nos honorários dos vereadores. As informações são da Agência Estado.

Em São Paulo, o custo por vereador será de R$ 5,6 milhões em 2009. São 55 integrantes do Legislativo, que ganharão R$ 9.288 por mês em ordenados, e mais R$ 13,3 mil em verbas indenizatórias. São somadas ainda verbas de gabinete no valor de R$ 71,5 mil para pagar até 18 assessores. Só a TV Câmara custa R$ 10 milhões por ano.

Em contrapartida, a Câmara de Macapá, com 15 integrantes, terá o menor custo em 2009 — R$ 678 mil. O menor salário é pago em Boa Vista, de R$ 3,5 mil.

Em Manaus, os 38 vereadores recebem R$ 9 mil como “auxílio-paletó”, além dos R$ 18 mil mensais de custeio com assessores, e mais R$ 3 mil como auxílio para os estudos dos funcionários. Em Teresina, cada um dos 23 vereadores tem 20 auxiliares. Só o presidente da Câmara tem 56, a um custo de R$ 46 mil.

Os vereadores de Belo Horizonte receberão R$ 9.288 em ordenados mensais, mais R$ 15 mil como custeio, além de R$ 29.326 para gastos com assessores. O custo total da Câmara aos cofres públicos em 2009 será de R$ 2,8 milhões.

A Câmara Municipal de Curitiba orçou R$ 80,3 milhões para 2009, para gastos com os 38 vereadores, reformas no prédio, compra de equipamentos e treinamento de funcionários. Neste ano, foi aprovado um aumento de 29% nos ordenados dos vereadores, que passaram de R$ 7.155 para R$ 9.280. Contas de telefone fixo e de celulares são pagas pelo município, desde que sejam locais.

Aumento semelhante foi aprovado pelos vereadores de Salvador. O Legislativo da capital baiana terá 30% a mais de custos com salários dos 41 membros, que passam de R$ 7.155 para R$ 9.288 em 2009. O custo anual por vereador será de R$ 2,2 milhões.

Já os vereadores de Porto Alegre se orgulham de não terem aprovado aumentos de salário há três anos. Cada um dos 36 integrantes da Câmara Municipal ganha R$ 8,3 mil, além de R$ 10,2 mil para gastos com transporte, gráfica, telefonia, jornais e revistas, correio e material de escritório. Eles usam os próprios carros, mas são ressarcidos de custos com combustível.

Revista Consultor Jurídico, 31 de dezembro de 2008, 13h40

Comentários de leitores

3 comentários

O RJ já frequentou os noticiários e programas t...

Sofista (Outros)

O RJ já frequentou os noticiários e programas televisivos internacionais por motivos, digamos, bem mais "nobres" (uma espécie de book digital, por exemplo, onde as mulheres eram mostradas seminuas nas belas praias cariocas, além, é claro, da prostituição que sempre permeou a vida noturna do Rio). Hoje, infelizmente, só se vê notícia asquerosa sobre o RJ, desde chacinas a absolvições de policiais que matam deliberadamente pelas ruas da cidade (numa espécie de "afirmação social" de tais atitudes). De fato, esse estado envergonha o país (envergonha sim, por mais incrível que possa parecer!). Que nojo!

Considerando que de todos os países que parti...

Ticão - Operador dos Fatos ()

Considerando que de todos os países que participam da ONU o Brasil é o único que dá salário para vereador, podemos propor uma mudança no título da matéria. Rio de Janeiro tem o vereador mais caro do MUNDO.

O rio de Janeiro esta completamente sem control...

Luiz P. Carlos (((ô''ô))) (Comerciante)

O rio de Janeiro esta completamente sem controle de qualquer situação. Vivemos aqui nesta cidade com um ESTADO PARALELO que assumiu as redeas lidera e manipula totalmente os poderes constituidos, principalmente o MPRJ, TJRJ, ALERJ, TCM, enfim como diria Ruy Barbosa, os homens de bem estão envergonhados e amedrontados.

Comentários encerrados em 08/01/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.