Consultor Jurídico

Notícias

Prestação de serviços

Edital para contratação de escritórios por banco é suspenso

Comentários de leitores

6 comentários

COMO FICAM OU PARA QUE SERVEM OS ADVOGADOS E AS...

Sersilva (Advogado Associado a Escritório - Administrativa)

COMO FICAM OU PARA QUE SERVEM OS ADVOGADOS E AS MEGAS AREAS JURÍDICAS DO BANCO. SÃO PROFISSIONAIS QUE FIZERAM CONCURSO PÚBLICO E SÃO REMUNERADOS PARA FAZER O QUE? PARABÉNS PARA JUIZA E A OAB/MT. EM ÉPOCA DE ELEIÇÕES TEM QUE REDOBRAR A VIGILÂNCIA. SERÁ PORQUE?????????

É fundamental que as pessoas - físicas e jurídi...

fernando (Serventuário)

É fundamental que as pessoas - físicas e jurídicas - compreendam que crises com esta que estamos vivenciando só se resolvem com o fortalecimento da economia do local onde vivemos. Precisamos comprar, prestar serviços ao redor de onde vivemos. São pequenos lugarejos fortes economicamente é que farão um mundo imune a crises e melhor de se viver. A Agência do BB de Bom Jesus do Itabapoana - RJ deve contratar advogados em Bom jesus e não em Mato Grosso. A reuperação de créditos se faz principalmente com relacionamentos e não nas barras dos tribunais. O advogado deve dedicar 90% do seu tempo buscando a conciliação e 10% litigando. Discordo em parte o Dr. Joaquim. Grandes conglomerados estão sujeitos a grandes tragédias. O direito lida com seres humanos. Que têm emoções, sangue nas veias, que sofrem, se angustiam. Têm que ser tratados com respeito a sua individualidade. Que seja defintivamente anulada esta malfadada licitaçao do BB.

Esta bendita terceirização no Brasil chega às r...

morja (Advogado Autônomo)

Esta bendita terceirização no Brasil chega às raias da vergonha, o ente público terceiriza seus serviços e paga quatro vezes o valor de um servidor que ficaria a seu controlo e a empresa que terceiriza paga um salário de fome aquela presta o serviço e muitas vezes desaparecem deixando os encargos sociais para o ente público, isto é uma vergonha. Se o Banco Central não tem capacidade de fiscalizar junto com o Banco do Brasil as financeiras com seu corpo jurídico especializados, como vão fazer um escritório de advogados, que serão facilmente corrompidos pelos poderosos. Principalmente o Banco Central que se acha incapacitado de fiscalizar este deveria ser extinto, e logo com grande economia em benefício do povo contribuinte brasileiro. São José/SC, 22 de dezembro de 2008. www.mario.poetasadvogados.com.br www.poetasadvogados.com.br

muito interessante o comentário do leitor Joaquim

daniel (Outros - Administrativa)

muito interessante o comentário do leitor Joaquim

Sem entrar no mérito da atitude da OAB, é impor...

Joaquim Manhães Moreira (Advogado Sócio de Escritório - Empresarial)

Sem entrar no mérito da atitude da OAB, é importante que os profissionais da classe se conscientizem de que o futuro do direito empresarial aponta para a formação de grandes consórcios prestadores de serviços jurídicos. Os profissionais independentes ("sole practioneers") terão sempre lugar nesses consórcios, desde que prestem um trabalho com o mesmo padrão exigidodo dos grandes, o que hoje é muito difícil de ser encontrado. Além disso, o inevitável movimento da informatização do judiciário (outra tendência mundial) tornará desnecessária qualquer participação dos advogados locais (geralmente os menores) que não se constitua em uma contribuição intelectual, como a participação em audiência. Ou seja, o correspondente que atualmente embolsa expressiva parte dos honorários das demandas de massa, somente para extrair cópias ou protocolizar documentos, tem de fato os seus dias contados. No mundo informatizado só há trabalho para quem possa contribuir com qualidade intelectual e mérito. Mas a boa notícia é que o pequeno que seja um excelente parecerista, por exemplo, mas que deseje continuar residindo no norte ou nordeste, terá a possibilidade de prestar serviços às grandes bancas de SP, RJ, etc, através da web. Todavia, se você é um operador independente, prepare-se para os novos tempos e passe a oferecer os serviços úteis aos novos tempos.

até que enfim uma seccional da OAB está protege...

analucia (Bacharel - Família)

até que enfim uma seccional da OAB está protegendo os pequenos escritórios em relaçao aos grandes e dominantes do mercado. A advocacia de grande porte tornou-se a pedradora dos próprios advogados em pequenos escritórios.

Comentar

Comentários encerrados em 31/12/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.