Consultor Jurídico

Notícias

Algemas para menor

Menino de 12 anos é algemado ao ser preso pela nona vez

Comentários de leitores

15 comentários

Peço encarecidamente a certos palpiteiros que g...

lupus (Servidor)

Peço encarecidamente a certos palpiteiros que guardem seus juizos de valor e tentem ser no minimo mais inteligentes. Muito ja se disse que mudar leis nao garante mudar cultura. O ECA é claro e quando chegou rasgou por completo o Código de Menores, excrecência legal que infelizmente sobrevive na cabeça de certos imbecis, os mesmos que nao pensariam duas vezes em agrdir um menino de 12 anos se pudessem. Só para lembrar: o ECA reconhece os menores de idade como sujeitos de direitos e como pessoas em desenvolvimento. Ja o codigo de menores partia do pressuposto que aos menores "em situaçao irregular" tudo era permitido. Dá para entender?

silvagv, não existe treinamento contra a covard...

Pedro (Oficial da Polícia Militar)

silvagv, não existe treinamento contra a covardia e a má fé de pessoas que pensam que os Policiais Militares são Super Herois, concordo com o ultimo comentário quem tiver dó deste marginal que leve-o para casa. falar é facil, pricipalmente atrás de uma mesa de computador!

A história desse menino já é bem conhecida atra...

PEREIRA (Contabilista)

A história desse menino já é bem conhecida através da mídia. Eu quero dizer que o comportamento deste e as suas prerrogativas de proteção é uma tapa na cara da sociedade e uma afronta ao cidadão tudo em nome de um estatuto da criança e do adolescente. Esse menino está desafiando a tudo e a todos achando que pode fazer tudo. Temos nesse país afora essas crianças sabendo que nada acontece contra eles, a roubar, a matar pessoas de bem, sabendo da CERTEZA DA IMPUNIDADE. O Estado é responsável por esse tipo de problema, mas não dá uma resposta a sociedade. É por isso que os jovens estão sendo assassiados aos milhares em todo país. Precisa-se "URGENTEMENTE ACABAR COM ESSA HIPOCRISIA QUE MENOR DE DEZOITO ANOS NÃO PODE SOFRER NENHUM TIPO DE PUNIÇÃO". Mas não se sabe o que melhor para esses menores infratores. Se a prisão ou essas casas de recuperação e ressocialização, que nada socializa. Essa é minha singela opinião. Agora essa outra hipocrisia que criaram sobre o uso de algemas. É melhor as algemas do que tiro nas costas como ocorre todos os minutos neste país. Só se preocuparam em mexer nessa questão porque gente grandes barões ladroões não queria se expor com as algemas em seus punhos. Se fosse pelos pobres e negros, ninguém tinha se manifestado a esse respeito.Não é!?

Uma pedrada em um policial militar... Onde está...

silvagv (Outro)

Uma pedrada em um policial militar... Onde está o treinamento que ele recebeu para sair dessas situações sem se machucar ou matar alguém? Será que o menino ia fugir da viatura da polícia, por mais perigoso que seja, ou os policiais não conseguiriam vigiá-lo durante o percurso que seria feito a pé?

Qquem tiver dó deste marginal, leve-o para casa.

Ruberval, de Apiacás, MT (Engenheiro)

Qquem tiver dó deste marginal, leve-o para casa.

Tem cada vez mais gente fascista no mundo, que ...

Sammartino (Advogado Autônomo)

Tem cada vez mais gente fascista no mundo, que acha que tudo é no arrebento. Parece que todo mundo resolveu querer ver o bicho pegar pro lado dessa "pobraiada que pede esmola no sinal", não é mesmo? É muita desumanidade, intolerância e impaciência. Hoje em dia a cultura do imediatismo pôs tudo a se resolver de forma rápida: é mais fácil colocar algema, descer o pau dentro da viatura e fazer de conta que nada aconteceu. E é o que o povo fascista assustado que anda aparecendo aos montes por aí quer mesmo ver. Se o policial metralha a família é justificável porque ele tinha que usar a arma numa rua movimentada para se proteger enquanto perseguia o carro dos "verdadeiros bandidos". Se vai pegar um menor infrator reincidente, que seja no laço, porque "ninguém é obrigado a levar porrada de moleque",e afinal, ele é reincidente mesmo, né? Quem liga? Mas que piada. Ninguém é mesmo obrigado a entrar em confronto, a não ser (adivinhe) que queira fazer parte da polícia. Se o sujeito quer pensar primeiro na própria segurança, ele devia ser especulador da bolsa e não policial. Do contrário, se cumprir a lei, geralmente não vai ter problema. Se pensa em quase tudo para coibir e reprimir hoje em dia. Só ninguém se dispõe a tolerar mais e acolher mais o próximo. Aí é melhor algemar mesmo, que pra encher de bolacha dentro da viatura deve ficar mais fácil. Eita mundo cão.

"Tádiinho dêle", com apenas 12 anos de idade já...

futuka (Consultor)

"Tádiinho dêle", com apenas 12 anos de idade já no crime, culpada é a sociedade e não os pais e aposto que age sózinho "Ôo dó!" Apoio e concordo completamente e incondicionalmente com o eminente senhor que muito entende e não é poeta e sim um justo advogado Ariel de Castro Alves, tenha uma vida feliz e longa com muitos filhos e uma grande família meu caro senhor adêvo. - Depois dessa só tomando uma! Afinal estamos em época de festas natalinas.rs

Minha opinião sobre os fatos: Infrator, menor o...

carranca (Bacharel - Administrativa)

Minha opinião sobre os fatos: Infrator, menor ou maior de idade apenas e tão somente é infrator, ñ são mais arrastados pelas ruas ou chicoteados em praça pública Defesa e acusação são os dois lados da moeda chamada de "vida real", devemos sim, observar excessos tanto p/ mais qtº p/ menos Certa vez alguém me acusou de carrasco (talvez pelo proximidd de meu nome de familia), a questão versava sobre Direitos Humanos... disse então: "Direitos Humanos são p/ entes-humanos ñ p/ animais"... esse pqn brasileiro trata-se de exemplo típico de total falta de possibilidd de reuperação e de convivencia social, o final da história será de jornais jogados sobre o corpo desse infeliz em algum beco fedorento... são os efeitos da civilização consumista Sem solução p/ este e outros tantos problemas Sem mais nada aa dizer carranca

Mais uma vez se discute o acessório em vez do p...

Luiz Telles (Outros)

Mais uma vez se discute o acessório em vez do principal. O que o "coitado" fez não interessa. Interessa apenas o fato de ter sido algemado. E ainda há quem questione se "O uso excepcional das algemas foi fundamentado por escrito (Súmula Vinculante 11)?"!!! Não dá para levar a sério. Só mesmo neste nosso país de primeiro mundo...

O dedo está apontando prá lua e tem imbecil olh...

Último Papa (Outros)

O dedo está apontando prá lua e tem imbecil olhando para pro dedo. Que algema, que pedrada, que carro, que coisa nenhum. Será que ninguém se toca que tem umser humano indopro buraco irreversível do banditismo? Ficam aí falando bobagens, assim e exatamente, como aqueles que temo dever funcional de tomar providências sérias e efetivamente concretas. Caso contrário,na melhor das h´pótese, em breve teremosum a mais no sistema penitenciário que é essa josta que ai está, ou mais um no cemitério e nas estatísca do governo ou de alguma ong. Cadê vocês????

Só haveria concessão de HC 'ex officio' e proib...

RCOBF (Servidor)

Só haveria concessão de HC 'ex officio' e proibição de algemas se o infante tivesse "Dantas" no sobrenome. Do contrário, não tem o menor problema.

O uso excepcional das algemas foi fundamentado ...

Fabris Neto (Defensor Público Estadual)

O uso excepcional das algemas foi fundamentado por escrito (Súmula Vinculante 11)?

E as pessoas que tiveram seus veículos furtados...

André Gomes (Prestador de Serviço)

E as pessoas que tiveram seus veículos furtados, o policial que levou uma pedrada não passaram por nenhum tipo de constrangimento? Garanto que se ele tivesse oportunidade de matar, mataria para fugir!

Necessário ou não, criança é criança e Lei é l...

Dr. Alexandro.M.Oliveira - Advogado (Advogado Sócio de Escritório)

Necessário ou não, criança é criança e Lei é lei, numa tradução mais simples. A um lugar e tempo oportuno para tudo incuindo auxilio médico a esse menor que pelo visto é doente.

Crime praticado por bandido mirim não se cham...

E. COELHO (Jornalista)

Crime praticado por bandido mirim não se chama crime, é chamado de infração disciplinar, assim diz o ECA. Ocorre que assassinato, seja ele praticado por bandido maior de idade ou "de menor", não tem diferença. Assim como qualquer outro crime, crime é crime! O indigitado sujeitinho é useiro e vezeiro em furtar veículos, dizem que já fez coisa pior, agrediu policial, etc. e a sociedade não pode saber o nome completo, tampouco ver a sua fotografia. Até quando os defensores dos Direitos do Manos continuarão prejudicando os Humanos Direitos, afinal, bandido mirim também é bandido! Pelo visto a paciência dos "otários", que somos nós os honestos, não tem limite. Como brasileiro é bonzinho...

Comentar

Comentários encerrados em 26/12/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.