Consultor Jurídico

Comentários de leitores

9 comentários

Bem, o que consta no titio Google é que ela é a...

Lisete (Outros)

Bem, o que consta no titio Google é que ela é advogada de bancos; dentre eles, o Bradesco. Assim, entende-se sua "preocupação" com essa medida que ao tentar proteger os direitos do consumidor, onera muito as pobres empresas.....

Não deve prevalecer a idéia de que as empresas ...

Jhepherson Bié da Silva (Advogado Autônomo)

Não deve prevalecer a idéia de que as empresas devem se adaptarem em prazo insufieciente. Haja vista que não é cediço que as empresas (de telefonia, TV por assinatura, bancos, etc.) disponibilizam um serviço de atendimento ao consumidor de forma axageradamente precária. Ademais, tendo em vista que sempre existiram críticas e descontentamento dos consumidores com relação à central de atendimento, não há dúvida que as empresas deveriam ter se aperfeiçoiado nesse serviço. Contrariamente, sempre agiram com o maior desrespeito perante aqueles (clientes) que financiam seu patrimônio social. Portanto, não há se falar em momento inoportuno para a adaptação dos call centers. E espero que os nobres juízes e tribunais não sacrifiquem o direito dos consumidores em ter um excelente atendimento em prol dos interesses empresariais.

Tudo muito lindo... Só esqueceram de comentar ...

Christiane (Advogado Associado a Escritório - Civil)

Tudo muito lindo... Só esqueceram de comentar que as empresas tiveram tempo mais do que suficiente para adaptação, tendo em vista que esse decreto foi anunciado há vários meses, inclusive com o anúncio de que entraria em vigor no dia 01/12/2008. Portanto, não cola a desculpa de que não houve tempo,que o legislador andou mal, etc. O que não há é vontade de atender o cliente da forma devida.

A autora se identifica como advogada mas não tr...

Bigus Digus (Professor Universitário)

A autora se identifica como advogada mas não traz nenhum argumento jurídico. Fiquei indignado com esse texto aí, ao ponto de postar um entrada em meu blog criticando-o: http://www.ribeirodasilva.pro.br/blogdobigus08dezembro02.html

Nadal (Civil - - ) 02/12/2008 - 21:45 A s...

Carlos (Advogado Sócio de Escritório)

Nadal (Civil - - ) 02/12/2008 - 21:45 A sim. Em um país onde há juízes que ainda se preocupam mais com empresas que gaham rios de dinheiro e não oferecem o serviço ou produto de forma adequada, COM EFICIÊNCIA COMO MANDA A LEI e, que desconhecem os PRINCÍPIOS postulados na Lei Federal 8.078/90, com certeza haverá liminares que serão derrubadas pelos TJs. Alguns até acreditam que o malandro nesta história de caos no atendimento é por culpa DO CONSUMIDOR. rssssss. Isso qdo não é ele, o juiz, que fica dias tentando cancelar um produto ou serviço. Como diz o ditado: PIMENTA NOS OLHOS DOS OUTROS É REFRESCO. Com o volume de processos que há, tem juiz que não sabe nem por onde começar a trabalhar...se é que sabe trabalhar. SALVE OS BONS MAGISTRADOS.

OK,façam-se as mudanças. Só não se esqueça que ...

João Gustavo Nadal (Cartorário)

OK,façam-se as mudanças. Só não se esqueça que essas medidas implicam o dispêndio de tempo, dinheiro e pessoal, sendo os custos transferidos aos dos produtos/serviços. É questão de tempo até começarem a aparecer às dúzias liminares contra esses decretos.

A autora deve ser advogada de empresa de call c...

Axel Figueiredo (Outros)

A autora deve ser advogada de empresa de call center. Me poupe.

É impressionante como é só surgir norma que ape...

Carlos (Advogado Sócio de Escritório)

É impressionante como é só surgir norma que aperta o cerco as empresas campeãs de reclamação, seja nos órgãos de proteção do consumidor, seja no Poder Judiciário, que aparece advogado (a) de alguma destas empresas para dizer coisas em prol de seus clientes (respeito mas não concordo). Este último (Judiciário) muitas vezes não aplica a condenação devida. Gostam alguns juízes de achar que o lesado não pode ganhar tanto de indenização, que as empresas COITADAS não podem ser tão oneradas em 10 mil 20 mil. rsss. Só rindo mesmo. Então surge uma norma para fazer o que o Judiciário não quis fazer. Impor um "certo" receio nestas empresas. Porque a Lei Cidade Limpa "PEGOU"? Pq as multas são pesadas. nada de 500 reais aqui ou 1 mil ali. Então funciona. Fácil. O que é notório neste país é a INDÚSTRIA (empresas que todos nós conhecemos) DE LESAR O CONSUMIDOR, FAZÊ-LO DE PALHAÇO. Dinheiro para se adaptar? Elas têm. Mas reclamam pq sabem que na maioria das vezes encontram pessoas do Poder Público (inclusive alguns do Judiciário que tem OBRIGAÇÃO de pacificar as relações sociais) que caem nas falsas desculpas destas empresas ESTRANGEIRAS... Carlos Especialista em Direito do Consumidor berodriguess@yahoo.com.br

Pura balela! Os consumidores precisam ser mais ...

Fabrício (Advogado Associado a Escritório)

Pura balela! Os consumidores precisam ser mais respeitados nesse país! Além disso, as empresas tiveram quase 06 meses para se adaptarem... tempo mais do que suficiente!

Comentar

Comentários encerrados em 10/12/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.