Consultor Jurídico

Comentários de leitores

6 comentários

Antes o Estado Marginal que o Estado Policial, ...

Baraviera (Bacharel)

Antes o Estado Marginal que o Estado Policial, né mesmo?

Do ex-sócio de Daniel Dantas: "Não vivemos e...

Thiago Nunes (Estudante de Direito)

Do ex-sócio de Daniel Dantas: "Não vivemos em um "Estado Policial" como alguns querem fazer crer. O Brasil vive verdadeiramente um "Estado de Corrupção". O país perde, por ano, 160 bilhões de reais com corrupção e fraude, puxados principalmente pelos crimes de colarinho branco. Isso daria para construir cerca de 2 mil hospitais, 4 mil escolas ou 5 milhões de casas populares. São recursos desviados ilegalmente de brasileiros pobres para criminosos inescrupulosos com dinheiro, formação acadêmica, terno e gravata. A Constituição prevê que todos os brasileiros sejam iguais perante a lei, não importando se eles são banqueiros, advogados, jornalistas ou dublês."

Forças poderosas se unem para defender os inter...

Armando do Prado (Professor)

Forças poderosas se unem para defender os interesses dos não menos poderosos que a PF, num ato republicano, começou a incomodar. E elegeram a PF como culpada. Inocentes são os quadrilheiros que dilapidam o dinheiro público. Por outro lado, concordo que para quadrilheiro do colarinho branco não basta a cadeia, mas deve ser alcançado no seu "órgão" mais sensível: seu patrimônio.

Convidar, para debater sobre a existência de um...

kELSEN (Outros)

Convidar, para debater sobre a existência de um Estado Policial, um advogado cuja tese defensiva é exatamente a de que a polícia não pode investigar o cliente dele parece piada de mau gosto. É óbvio que ele vai defender essa baboseira com o objetivo de livrar o cliente e embolsar alguns milhões. Cá pra nós, sem nenhum juízo preliminar, se o cidadão é inocente por que é que ele não falou à polícia, ao juiz e não que falar à CPI? Ao invés de atacar a polícia, com o apoio de parte da mídia, ele devia era provar a sua inocência, coisa que até agora não fez. Meus amigos, não foi a PF quem deu um milhão a um delegado. Não foi a PF quem pagou a KROL para fazer escutas telefônicas. É muita cara de pau, faltou dizer que a PF não pode grampear, mas o cliente dele pode.

O Juiz como acusador é algo que deve ser evitad...

analucia (Bacharel - Família)

O Juiz como acusador é algo que deve ser evitado no Brasil, por isso precisamos alterar o CPP e a mudar a cultura jurídica.

Me assustam estas forças que denegrim a PF. O q...

Edgar (Outros)

Me assustam estas forças que denegrim a PF. O que querem com tudo isso? Ficar na Mídia? Aumentar seus já polpudos honorários? Acabar com o que esta dando certo? Ave Dantas, que força tem este criminoso. Tal qual os imperadores romanos, não importa o que faziam mas sim seus objetivos.

Comentar

Comentários encerrados em 19/08/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.