Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Viagem do ecstasy

Justiça nega liberdade para filha de Claudete Troiano

Por 

O Departamento de Inquérito Policiais do Judiciário paulista negou nesta quarta-feira (28/3) pedido de liberdade provisória para a jornalista Marcela Troiano de Moraes Manso, de 22 anos, filha da apresentadora da TV Bandeirantes Claudete Troiano. Ela foi presa no domingo sob suspeita de tráfico de drogas. O pedido foi feito pelo advogado Luis Flávio Borges D’Urso. A defesa deverá ingressar com pedido de Habeas Corpus ao Tribunal de Justiça.

A jornalista foi presa em flagrante na Vila Olímpia (zona Sul de São Paulo), pelo Departamento de Investigações Sobre Narcóticos (Denarc). Segundo a Polícia ela estava com 20 comprimidos de ecstasy, 17 micropontos de LSD e dois vidros de lança-perfume na bolsa. Testemunhas disseram que Marcela venderia a droga em uma rave. Ela está presa no prédio do Denarc no Butantã (zona Oeste de São Paulo).

No momento da prisão, Marcela estava num ônibus fretado que partiria da Vila Olímpia, às 11 horas, para a casa de show Estância Alto da Serra, em Ribeirão Pires, no Grande ABC. O diretor do Denarc, Everardo Tanganelli Júnior, informou que a polícia descobriu que no ônibus haveria drogas sintéticas para serem consumidas na festa.

 é repórter da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 29 de março de 2007, 0h01

Comentários de leitores

16 comentários

"DURA LEX, SED LEX" Seja filho de quem for, fo...

PCSILVA (Contabilista)

"DURA LEX, SED LEX" Seja filho de quem for, foi pego com droga, não tem que atenuar. A existência de um sustenta o outro. Pouco importa filho de rico filho de pobre, filho de artista filho de bandido. Demagogia, já basta nossos políticos. Para o professor de portugues que nunca ouviu ou leu "houveram" "Quando se diz 'houveram'?" Tem uso, sim, mas não nos registros informais da língua. A forma "houveram" surge quando se emprega "haver" com qualquer sentido que não seja o de "existir", "ocorrer" ou "fazer" (na indicação de fatos ligados ao tempo, fenômenos da natureza etc.): "Os sentenciados houveram do juiz a comutação da pena" (exemplo do "Aurélio")"Os alunos houveram-se muito bem nas provas" (exemplo do "Houaiss"). É isso. Coluna publicada no dia 05 de junho de 2003, no jornal "Folha de S. Paulo".

Coitada da Marcela. Tão jovem. 22 anos. E já pr...

edisio (Advogado Autônomo)

Coitada da Marcela. Tão jovem. 22 anos. E já presa à cadeia do tráfico. Será que isto vai terminar um dia?

A obtenção da liberdade provisória nos crimes d...

Jesiel Nascimento (Advogado Autônomo - Criminal)

A obtenção da liberdade provisória nos crimes de tráfico (as modalidades são múltiplas) de entorpecentes é vedada por força de lei. O pedido, em si já informa desprezo em relação ao seu cumprimento. Quem sempre pregou a "força da lei chinesa" não pode reclamar das chicotadas.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 06/04/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.