Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sinal de emergência

Família de repórter do New York Times faz acordo com prefeitura

A família de um veterano repórter do jornal The New York Times fechou acordo com a prefeitura de US$ 20 milhões em ação cível que expunha as deficiências de atendimento médico do serviço de emergência público. A informação é do site Findlaw.

David Rosenbaum, de 63 anos de idade, foi atingido por uma tubulação de plástico em uma obra ao lado de sua casa, em janeiro de 2006, e morreu logo depois. Segundo a família, os responsáveis pelo atendimento de emergência e os médicos do hospital falharam. A família doou os US$ 20 milhões para melhorar os serviços no atendimento de emergência.

Pelo acordo, a família retirou a ação e deu o prazo de um ano para que o Distrito de Colúmbia melhore seus serviços de emergência. Se isso não ocorrer, determina o acordo, a ação pode ser reaberta.

Revista Consultor Jurídico, 12 de março de 2007, 10h11

Comentários de leitores

2 comentários

Porque será que brasileiro não tem essa atitude...

Murassawa (Advogado Autônomo)

Porque será que brasileiro não tem essa atitude, será por sua vontade e por ser de caráter duvidoso ou é porque não acredita nas instituições.

Imaginem se algum brasileiro teria essa atitude...

João Bosco Ferrara (Outros)

Imaginem se algum brasileiro teria essa atitude. Quem, por aqui, doaria a integralidade da indenização? Ninguém. Pois entre nós impera a certeza de que a doação não seria aplicada magnanimamente, mas desviada, pungueada por muitos que estão à frente da administração de muitos hospitais.

Comentários encerrados em 20/03/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.