Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Homicídio e omissão

Justiça condena ex-chefe de torcida em São Paulo

Depois de 15 horas de julgamento, o ex-líder de torcida organizada de São Paulo Carlos André Amorosino Junior, o Sukita, foi sentenciado a 14 anos de prisão. Ele é acusado de matar a pauladas Mauro Roberto Costa e de não prestar socorro a Dhiógenes Fernandes Ventura. O julgamento ocorreu no 5º Tribunal do Júri de São Paulo.

O crime aconteceu em um confronto de torcedores no cruzamento das avenidas Marquês de São Vicente e Abrahão de Morais, Zona Oeste de São Paulo, após um desfile de escolas de samba no Anhembi. Na ocasião, Amorosino era presidente da Torcida Independente do São Paulo, e Costa, uma das vítimas, vestia camisa do Palmeiras. A rivalidade entre as torcidas teria sido o motivo dos ataques.

Os crimes ocorreram em 22 de fevereiro de 2003. A confusão começou no Sambódromo do Anhembi quando, antes de desfilar, integrantes do bloco Independentes, composto por torcedores são-paulinos, atacaram corintianos do bloco Pavilhão 9. Testemunhas disseram que cerca de 10 são-paulinos, armados com revólveres e pedaços de pau, cercaram os corintianos.

Sukita vai aguardar o término do processo em liberdade enquanto seu advogado deve recorrer da condenação. Valdívio Marcelo Dantas de Souza, também integrante da torcida organizada e acusado de participação no crime foi inocentado. A informação é do portal Terra.

Revista Consultor Jurídico, 3 de março de 2007, 8h55

Comentários de leitores

1 comentário

Acho que foi pouco! Deveria ter recebido umas ...

Neli (Procurador do Município)

Acho que foi pouco! Deveria ter recebido umas três agravantes. Um absurdo esse pessoal ficar brigando por causa de futebol.Sou fanática torcedora do Santos F C,de freqüentar estádios,mas somente vou à Vila;hoje em dia é risco freqüentar os estádios de sp por causa desses senhores. Esses senhores não são torcedores de seus clubes,pq se fossem jamais brigariam,pois, a briga é um marketing negativo para seus clubes. Mais:gostaria de saber quem arcou com os prejuízos que uma torcida deu há uns três anos,numa noite de quarta-feira.Deveria ser processado tb o clube...

Comentários encerrados em 11/03/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.