Consultor Jurídico

Comentários de leitores

34 comentários

Ao comentar a reportagem " Loucademia de Políci...

Fróes (Advogado Autônomo)

Ao comentar a reportagem " Loucademia de Polícia",deste Consultor, um habitual usuário deste espaço, que se oculta sob o pseudônimo de "Caiçara-advogado autônomo", tece comentários sobre o ministro Gilmar Mendes que tipificam um claro ilícito penal-aliás, mais de um ilícito. Utilizando-se de uma linguagem rasteira e provocadora, tece boçais comentários sobre o fazamento de informações de setores do DPF, que foram rebatidos pelo ministro com natural indignação. Sugiro aos leitores que tenham meios de encaminhar esses difamatórios, injuriosos e caluniosos comentários ao ministro Mendes, para que seja requerida a instauração de ação penal, identificando-se o agente provocador "Caiçara-advogado autônomo", o que não será difícil, extirpando dessas páginas on line esse tipo crapuloso, que , com habitualidade, frequenta esse Consultor,sempre na posição de agent provocador. Não é demais alertar que o nosso Consultor Jurídico, ao divulgar textos como esse do "Caiçara" poderá ser tambem atingido por sanções da Lei de Imprensa, o que seria lamentável para seus milhares de leitores.

Ae Gilmar, explica essa! Fonte Ig (Paulo Henri...

caiçara (Advogado Autônomo)

Ae Gilmar, explica essa! Fonte Ig (Paulo Henrique Amorim):"Documentos da Operação Furacão indicam que no dia 05 de janeiro de 2007 houve uma ligação de 10 minutos e 29 segundos com referência ao Ministro Gilmar Mendes do Supremo Tribunal Federal. . Sérgio, um advogado preso na Operação Furacão, conversa com outro advogado, Emanoel. . O diálogo é o seguinte: “de colega para colega. O rapaz lá é meu amigo de infância. Quando meu pai era prefeito na cidade, o pai dele era secretário. Quando o papai voltava para o cartório, o pai dele assumia a prefeitura. E os dois governaram Diamantino por 30 anos”. . Tanto Emanoel quanto Gilmar Mendes são de Diamantino, cidade de Matogrosso . Gilmar Mendes concedeu um HC (habeas corpus) a Ulisses Martins de Souza, preso na Operação Navalha, sem conhecer os autos – segundo informação da Polícia (Republicana) Federal. . Ulisses, ex-procurador geral do Maranhão, aparece na investigação da Polícia (Republicana) Federal como um dos intermediários da empreiteira Gautama. . Emanoel atuou em “embargos auriculares” para obter o HC do Ulisses." Por isso eu digo: Calma em defender o indefensável.....

Mediocridade dominante Darcy Ribeiro tinha r...

Armando do Prado (Professor)

Mediocridade dominante Darcy Ribeiro tinha razão Darcy Ribeiro disse uma vez, há muitos anos atrás, que o Brasil poderia ser "o país do turismo". Curiosos viajantes estrangeiros viriam para cá apreciar indivíduos de outras épocas da história da civilização, teriam oportunidade de ver nas ruas pessoas do medievo, por exemplo, com seus aspectos fenomenais, raros e extravagantes. O último País do mundo a abolir o escravagismo, e que a rigor ainda não está totalmente eliminado, em pleno século 21. Darcy falava tanto das classes subalternas, quanto das classes dominantes. Dizia que a nossa classe dominante - a elite branca - é uma das mais mesquinhas e medíocres do mundo. Fez um país à feição da sua melhor forma de enricar e mandar. Tão estúpida que a primeira Universidade no Brasil só foi criada - pasmem - em 1923. E assim mesmo por motivos extra-educacionais, às pressas, para dar tempo de conceder um título de Doutor Honoris Causa ao reizinho da Bélgica, que viria nos dar a subida honra de sua nobre presença no trópico. (...)O Brasil tem a cara da nossa elite branca, já dizia, pois, Darcy Ribeiro, um dos mais lúcidos intelectuais que explicaram o Brasil. Covarde e subalterna, a nossa burguesia fez a dita "revolução burguesa" comendo na mão do mercantilismo inglês, da forma mais sabujamente submissa, e depois comendo na mão de Getúlio Vargas, o nosso grande modernizador. Lembro de Darcy Ribeiro e suas considerações nada edificantes sobre a nossa classe dominante, depois de assistir o Farol de Itapuã, o desembargador Barbosa Leal, ontem na TV, dizendo-se favorável à pena de morte e outras brutalidades simplificadoras. Fiquei impressionado com o nosso Farol. Impressionado, negativamente. Acho até que vou rebaixá-lo para lanterninha de sala de cinema, tal a opacidade do seu espírito. O sujeito tem dois metros de altura, gesticula com mãos de símio, e estampa uma testa diminuta, adornada por cabelos (ou seria peruca?) em franja curta, como um César romano abandonado nos subtrópicos de Porto Alegre. O lanterninha tem dificuldades até em se expressar, desarticulado e cacoeteiro, tropeça no vernáculo e se esparrama em subconceitos de procedência duvidosa. Uma lástima consolidada. E pensar que esse lanterninha é presidente do Poder Judiciário no Rio Grande do Sul... Um autêntico representante da "classe dominante mais medíocre do mundo", conforme apontou Darcy Ribeiro, a brasileira. Uma coisa o lulismo está promovendo de bom, fazer com essa classe dominante agora tenha medo de polícia, antes temor privativo só da ralé, da chinelagem e do lumpesinato. O André, nosso leitor e amigo, chegou a brincar que a continuar esse ritmo da Polícia Federal, a luta de classes vai acabar no Brasil, "a burguesia vai toda para o xilindró"! Pago dobrado para assistir essa. Escrito por Cristóvão Feil às 10h16

Pela reação histérica do Gilmar é bom que seus ...

caiçara (Advogado Autônomo)

Pela reação histérica do Gilmar é bom que seus defensores aguardem mais um pouco, afinal, o próprio Gilmar afirmou que "conversou apenas com um amigo", na mesma entrevista em que deu o xilique contra a PF REPUBLICANA... Vamos aguardar para não cair do cavalo, principalmente em se falando de um Ministro "tão libertário em relação a grandes traficantes e afanadores do erário" quanto o Douto citado nas reportagens...

Que nada. Quem tentou vincular o ministro Gilma...

Luismar (Bacharel)

Que nada. Quem tentou vincular o ministro Gilmar Mendes a um homônimo? Não é "coisa nojenta", é idiotice. O sujeito que fez isso não é "canalha", é um idiota. No fim, tem-se que o ministro do STF fez o maior carnaval por causa de uma idiotice feita por um idiota que ninguém sabe quem é...

digo, mais indigno

olhovivo (Outros)

digo, mais indigno

Essa de querer vincular o ministro Gilmar Mende...

olhovivo (Outros)

Essa de querer vincular o ministro Gilmar Mendes, através de homônimo, foi nojenta. O sujeito que fez isso não é só canalha. Para mim é menos indigno que ladrões e estelionatários.

Acredito que tudo o que vem acontecendo seja fr...

DR. DEDONE (Advogado Autônomo - Civil)

Acredito que tudo o que vem acontecendo seja fruto, em primeiro lugar, do descaso com que os "Excelentíssimos e digníssimos " ocupantes do "sublime pedestal " deram às invasões "Hollywoodianas" aos escritórios de advocacia. Por falar em cinema: "Frankstein matou o seu criador". "A VIDA IMITA A ARTE"

Acabei de ler no Estadão de hoje: a procuradora...

Marin Tizzi (Professor)

Acabei de ler no Estadão de hoje: a procuradora Janice falou que é uma "DESELEGÂNCIA" o min. Gilmar Mendes ter concedido habeas corpus, pois a min. Eliana Calmon conhecia melhor o inquérito. Atenção ministros da mais alta corte, não sejam deselegantes. Nunca mais concedam liminares. Atenção advogados, da próxima vez instruam o pedido de hc com cópias de todo o inquérito, coisa que nunca houve antes. Não basta, de agora em diante, juntar a decisão desfundamentada. É necessário produzir provas em hc. Aprenderam a lição? A doutrina mudou, agora são novos tempos. Tempos estranhos, como disse um min. do STF.

Bem, podemos defender a atuação da PF, suas gra...

George Rumiatto Santos (Procurador Federal)

Bem, podemos defender a atuação da PF, suas grandes investigações e alguns resultados efetivos, até. Contudo, há de se ter cautela no que toca à onda de prisões, por vezes de duvidosa legitimidade, realizadas na empolgação dessas investidas. Prisão temporária é medida extrema, válida apenas em casos específicos, a fim de evitar que o investigado obstrua o bom andamento dos trabalhos investigativos. E mais: como podem tomar posse de tantas informações sigilosas, os principais veículos de comunicação da classe média? Será que o César Tralli ainda está circulando pelos meandros da PF, com boné preto e óculos escuro, mesmo nesse frio? Lamentáveis as divulgações descabidas de gravações que se referem a Gilmar Mendes, que nem o próprio Ministro é, mas um outro Gilmar Mendes (evitar o erro de pessoa ninguém quis, ao mostrar as gravações). A mídia condena quem bem deseja de antemão, martelando a dúvida com estampa de verdade. Se não era bem aquilo, paciência - ou alguém já viu retratação pública da Globo ou da Veja, quanto às diversas incongruências que diariamente nos apresentam. Depois de tudo, é fácil defender o "due process of law" e as conquistas garantistas da Constituição Cidadã!

Caro Ministro, não há necessidade de a Policia ...

Jajá (Contabilista)

Caro Ministro, não há necessidade de a Policia Federal fazer marketing para depreciar a Justiça. Ela própria se deprecia. E mais. Caso fosse um cidadão comum usar da expressão “canalhice”, o que aconteceria?

Por falar no ilustre colega, "Prisão tempor...

Luismar (Bacharel)

Por falar no ilustre colega, "Prisão temporária é tortura", diz advogado, pouco antes de ter o celular roubado Alberto Toron, que critica a atuação de juízes e da Polícia Federal na Operação Navalha, foi assaltado no momento em que dava entrevista, por telefone, a Terra Magazine. Ele faz parte do grupo de advogados que se reuniu com o presidente do STJ para reclamar de supostos abusos contra presos. http://terramagazine.terra.com.br/

Aos chicaneiros, fascistinhas e adoradores do i...

Armando do Prado (Professor)

Aos chicaneiros, fascistinhas e adoradores do ilícito: Viva a PF, a republicana! Viva o MPF! Dr. Paulo Lacerda em 2010!

24/05/2007 14:45h ESTÁ TODO MUNDO A FIM DA CAB...

Armando do Prado (Professor)

24/05/2007 14:45h ESTÁ TODO MUNDO A FIM DA CABEÇA DA PF Paulo Henrique Amorim . A Operação Furacão já tinha descido ao âmago da corrupção no Brasil: os juízes corruptos. . Agora, a Operação Navalha mostra um sub-capítulo muito importante da corrupção: o conluio de empreiteiros e políticos para assaltar o Erário. . Como dizia Leonel Brizola, a Polícia (Republicana) Federal está “costeando o alambrado”. . As instituições brasileiras – Judiciário, Legislativo e Executivo – talvez não saiam inteiras depois de a Polícia (Republicana) Federal entrar no “alambrado”. . O Presidente Lula está preocupado, porque a Operação Navalha cortou em todos os partidos (ou quase todos), mas acertou em cheio o PMDB, o partido central da coalizão que o apóia no Congresso. . É o PMDB de sempre, que desempenhou o mesmo papel altruísta no Governo do Farol de Alexandria. . Numa assembléia do PMDB, se alguém berrar “olha o rapa !”, vai ser uma grande confusão. . Por isso, segundo o Ministro Mares Guia, o Presidente Lula teme que a PF tenha mandado prender sem provas. . Data vênia, Presidente Lula, quem manda prender (como quem manda grampear) é a Justiça. . O Ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, acusa a Polícia (Republicana) Federal de canalhice. . O Ministro Gilmar Mendes soltou sete dos 48 presos na Operação Navalha: 1) José Reinaldo Tavares – Ex-governador do Maranhão. Recebeu Habeas Corpus no dia 20 de maio. Justificativa de Gilmar Mendes: http://www.stf.gov.br/noticias/imprensa/ultimas/ler.asp?CODIGO=233227&tip=UN¶m= 2) Roberto Figueiredo Guimarães – Presidente do Banco de Brasília. Recebeu Habeas Corpus no dia 20 de maio. Justificativa de Gilmar Mendes: http://www.stf.gov.br/noticias/imprensa/ultimas/ler.asp?CODIGO=233228&tip=UN¶m= 3) Márcio Fidelson Menezes – Ex-secretário de Infra-estrutura de Alagoas. Solto no dia 22 de maio. Justificativa de Gilmar Mendes: http://www.stf.gov.br/imprensa/pdf/hc91427.pdf 4) Pedro Passos – Deputado distrital. Solto no dia 22 de maio. Justificativa de Gilmar Mendes: http://www.stf.gov.br/imprensa/pdf/hc91435.pdf 5) Luiz Carlos Caetano – Prefeito de Camaçari (BA). Solto no dia 22 de maio. Justificativa de Gilmar Mendes: http://www.stf.gov.br/imprensa/pdf/hc91393.pdf 6) Ulisses Cesar Martins de Sousa – Ex-procurador-geral do Estado do Maranhão. Solto no dia 17 de maio. Justificativa de Gilmar Mendes: http://www.stf.gov.br/imprensa/PDF/hc91386gm.pdf 7) José Édson Vasconcellos Fontenelle – Empresário. Solto no dia 22 de maio. Justificativa de Gilmar Mendes: http://www.stf.gov.br/imprensa/pdf/hc91392.pdf . Superou o ministro César Peluzo, que mandou soltar quatro juízes presos na Operação Furacão. . O Ministro Gilmar Mendes, que não se notabiliza pela serenidade, tem um pequeno problema: ele pensa que está sentado à direita de Deus Padre. . Ministro do Supremo é pago pelos cidadãos para fazer Justiça. . E não para ser idolatrado. . Ministro do Supremo é cidadão. . Tanto quanto eu, quanto você e o Romário – é tudo igual perante a lei. . E perante a liberdade de imprensa. . O Ministro Mendes está preocupado com os “vazamentos” da Polícia (Republicana) Federal. . É um equivoco: ele deveria ter percebido que há órgãos de imprensa que conseguem e outros que não conseguem documentos das investigações da Polícia (Republicana) Federal. . É uma questão de competência e de CREDIBILIDADE. . O nome do ministro Mendes aparece numa gravação da Operação Furacão, aqui no Conversa Afiada reproduzida. . Se o cidadão Gilmar Mendes está preocupado com os vazamentos, o cidadão Paulo Henrique Amorim está preocupado com a falta de explicações do Ministro Gilmar Mendes para essa referência a ele nas gravações. . O cidadão Paulo Henrique Amorim também está preocupado, porque o nome do Ministro Marco Aurélio de Mello aparece numa gravação da Operação Furacão, como se tivesse recebido a visita do Juiz (preso e solto) Pinto Dória. . E o Ministro Mello, normalmente tão loquaz, não se pronunciou ainda sobre isso. . “Nem a lente do Fantástico, nem o disco de Paulo Simon/ Ninguém, ninguém é cidadão” ... dizia Caetano Velloso, quando o Haiti ERA aqui. . Quem também está uma fera com a Polícia (Republicana) Federal é o Estadão. . No editorial “As exorbitâncias da PF”, na página 3 de hoje, diz o Estadão: “Mas, nem a justa ansiedade por descobrir e desbaratar redes criminosas ... autoriza os órgãos do Estado ... a ultrapassar os limites ... do Estado Democrático de Direito...” E cita o ilustre advogado Alberto Zacharias Toron: “pior é ver a polícia dar informações à imprensa , que as divulga em horário nobre ...” . O ilustre advogado Toron – advogado do Juiz Lalau e de Daniel Dantas – é o mesmo que disse, nessa entrevista a que se refere o Estadão (embora o Estadão, inexplicavelmente, omita esse trecho), a frase inesquecível: isso de colocar algemas é coisa para “preto, pobre e p...”. . Pois é, esse é o problema do Dr. Toron e do Estadão: a Polícia Federal é republicana porque branco e rico também passaram a ser algemados. . Se o Presidente Lula estiver mesmo decidido a apoiar a Polícia (Republicana) Federal, “doa a quem doer”, como disse Lula, poderia anunciar que o Dr. Paulo Lacerda ficará no cargo até o último dia do mandato presidencial.

Comentar

Comentários encerrados em 1/06/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.