Consultor Jurídico

Acidente da Gol

Famílias das vítimas do vôo 1907 fazem abaixo-assinado online

A Associação dos Familiares e Amigos das Vítimas do Vôo 1907 — do acidente aéreo entre o jato Legacy e o Boeing da Gol — já recolheu mais de 800 assinaturas no abaixo-assinado digital. Destinado ao ministro da Justiça, Tarso Genro, o documento faz um pedido público por Justiça e por um júri “justo e severo” para os responsáveis pelo acidente. A lista também será entregue ao presidente e ao relator da CPI do Apagão Aéreo, deputados Marcelo Castro (PMDB-PI) e Marco Maia (PT-RS), respectivamente.

Os familiares das vítimas optaram pelo abaixo-assinado na internet por entender que seria a forma mais democrática para buscar apoio da sociedade. “No texto, solicitamos ao ministro da Justiça que sejam preservados todos os direitos constitucionais das 154 vítimas do acidente”, explica a vice-presidente da Associação, Angelita Marchi.

A investigação da Polícia Federal de Mato Grosso sobre o acidente ainda está em curso e deve ser concluída até o final de maio.

O abaixo-assinado pode ser acessado por este link .

Veja o abaixo-assinado

Excelentíssimo Senhor Ministro da Justiça do Governo Federal, Doutor Tarso Genro

A Associação de Familiares e Amigos das Vítimas do Vôo Gol 1907, vem respeitosamente apresentar à V.Exa. pedido formar para que sejam adotadas, por parte do Ministério da Justiça e órgãos competentes, todas as medidas legais e demais procedimento pertinentes à efetiva PRESERVAÇÃO DOS DIREITOS CONSTITUCIONAIS DAS VÍTIMAS dessa incomensurável catástrofe.

Rogamos a Vossa Excelência, o resultado de uma investigação isenta e precisa na apuração das responsabilidades pelo maior acidente aéreo ocorrido em nosso país.

Clamamos por JUSTIÇA em respeito ao luto e a dor de todos aqueles que sofrem hoje, e sofrerão sempre, a perda brutal de seus entes queridos.

A JUSTIÇA que ansiamos principia na rigorosa apuração dos fatos, prossegue em JURI JUSTO e SEVERO e culmina com os culpados amplamente PUNIDOS.

Senhor Ministro, em Vossa Excelência e no Ministério da Justiça, depositamos todas as nossas esperanças de JUSTIÇA MAIOR, em memória dos 154 brasileiros, cujas vidas foram ceifadas de forma tão lancinante como irresponsável.

Respeitosamente

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 8 de maio de 2007, 0h01

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/05/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.