Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Nau dos desesperados

Cai o número de imigrantes ilegais que tentam entrar nos EUA

Por 

Caiu em mais de 40% o número de imigrantes que tentam entrar ilegalmente nos Estados Unidos pelos mares sul e sudoeste do país, segundo a Guarda Costeira americana. O número de processados por invasão foi reduzido no ano passado. Em 2005, houve 10.279 processos por invasão. E em 2006, foram acionadas 6.061 pessoas. A informação é do site Findlaw.

Os agentes da Guarda Costeira que patrulham as águas da Carolina do Sul, Flórida e Caribe encontravam quase sempre imigrantes ilegais oriundos de Cuba, Haiti e República Dominicana.

O que mais chama a atenção é o número de haitianos que deixaram de entrar nos Estados Unidos. Houve uma queda de mais de 60% ano passado — apenas 769 processos. Da República Dominicana, outra queda brutal, de 50% — 2.203 processos.

Enquanto isso, o número de cubanos tentando escapar da ilha de Fidel Castro continua crescente. O número de cubanos detidos no sul da Flórida, pela Guarda Costeira, subiu de 2.530 casos, em 2005, para 3.076 em 2006

Para a advogada da comunidade haitiana em Miami, Marleine Bastien, a queda de invasões ilegais partindo do Haiti á explicada pela eleição do presidente René Preval. “Ele tem amplo apoio e, então, os haitianos querem ficar em seu país”, diz ela.

 é repórter especial da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 6 de janeiro de 2007, 16h42

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 14/01/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.